Archive for March, 2008

Gauchão – Juventude 1 x 2 Grêmio

March 29, 2008

Escalação surpreendente de Rudinei no meio campo (Júlio dos Santos sobrou). Rudinei jogava mais aberto pela direita, mais a frente Perea pela esquerda e Reinaldo centralizado. Deu certo. O gol cedo facilitou as coisas, escanteio batido, Perea desviou no primeiro pau e Reinaldo completou no segundo. O Grêmio jogava bem e dificultava as coisas para o Juventude. Nunes e Eduardo Costa protegiam bem a zaga. O “Papo” tentou reagir, duas cabeçadas em impedimento (marcados) de Mendes, duas belas defesas de Marcelo Grohe. Mendes novamente, chutando da intermediária, Marcelo desviou e a bola parou na trave. No Grêmio Roger jogava “solto”, fazendo algumas jogadas de efeito. Aos 41, Pico deu ótimo lançamento para Reinaldo que dominou, entrou na área, pedalou e chutou no canto. 2×0.

O segundo tempo tricolor já foi inferior, o time ficava pouco com a bola. O Juventude, como não poderia deixar de ser, foi pro tudo ou nada, mas criou pouco. Mendes de cabeça descontou e a reação do Juventude parou aí. O Grêmio ainda perdeu boas opurtunidades. Perea dentro da pequena área e André Luís após jogada espetacular.


Não gostei muito da atuação do Leo, saindo demais, fazendo faltas desnecessárias. Os laterias deram uma contriubuição bem mais significativa hoje. Roth foi bem feliz ao indicar as virtudes (força) e os defeitos (marcação, cobertura) de Pico.

No jogo passado, disse que esta história de camisa comemorativa estava ficando manjada. A explicação para o bizarro número 493 de Lauro (foto abaixo) é uma contagem para os seus 500 jogos, idéia do marketing da Penalty

Fotos: ClicRBS e Juventude.com.br

Juventude 1 x 2 Grêmio
Reinaldo 9´
Reinaldo 41´
Mendes 59´

JUVENTUDE: Michel Alves; Renan, Márcio Alemão e Nunes; Elvis, Juan Pérez (Maycon), Lauro, Hércules (Danilo) e Márcio Goiano; Ivo (Bruno) e Mendes.
Técnico: Juventude

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Paulo Sérgio, Léo, Jean e Anderson Pico; Eduardo Costa, Nunes, Rudnei e Roger (Julio dos Santos); Reinaldo (André Luís/Jonas) e Perea.
Técnico: Celso Roth

Gauchão 2008 – Quartas de final – Jogo de Ida
Data: 20/março/2008 – Sábado – 16h00min
Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul.
Arbitragem: Leonardo Gaciba, auxiliado por Altemir Hausmann e José Franco Filho.
Cartões amarelos: Lauro (J); Eduardo Costa, Léo e Nunes (G)
Gols: Reinaldo (G), aos nove e aos 41 minutos do primeiro tempo; Mendes (J) aos 14 do segundo

Escolhida proposta

March 28, 2008

Como era esperado, ganhou no conselho a proposta do Grupo português TBZ, em parceria com a OAS, para fazer a arena no Humaitá. Como negócio, parecia claro que a proposta da TBZ era vantajosa em relação a da Odebrecht (que não acredita no poder de fogo dos portugueses). Quanto a localização, a escolha pela manuntenção da Azenha ficou praticamente inviável com a proposta de demolição completa do Olímpico e construção de um estádio provisório. ( e haviam alternativas melhores para ficar na azenha):

Escolhida a proposta para a futura arena
O consórcio TBZ-OAS foi escolhido ontem à noite pelos conselheiros do Grêmio para construir a futura arena do clube, no bairro Humaitá, à beira da free way, na zona norte da Capital. Ele concorria com a construtora Norberto Odebrecht.

A partir de agora, a TBZ, empresa portuguesa que atua na área de gestão de estádios e de marcas de clubes, e a construtora brasileira OAS terão 90 dias para apresentar aos conselheiros, também para votação, o contrato de construção da obra.

Entre as exigências do clube, estão o oferecimento de garantias bancárias para o projeto e aquisição, por R$ 50 milhões, da área de 34 hectares no Humaitá, pertencente ao grupo Habitasul. Para ter aprovada sua proposta, o TBZ-OAS propôs ao Grêmio 65% de participação nos lucros que seriam gerados pelo empreendimento. Além da arena, que tem estimativa de faturamento anual de R$ 56 milhões, o projeto prevê um shopping center com 295 mil m2, hotel, centro de convenções, estacionamento e área para habitação.

Alguns conselheiros se posicionaram contra a troca para o Humaitá. Um deles foi o ex-presidente Hélio Dourado, que propôs em discurso a reforma do Estádio Olímpico. O também ex-presidente Fábio Koff comemorou a escolha:

– O Olímpico não comporta as obras que pretendemos fazer. Vamos para o Humaiá conquistar tantas glórias quanto conquistamos aqui.

A reunião teve a participação de 216 conselheiros.” (Zero Hora 28 de março de 2008)

Arena do Grêmio será no Humaitá
27.03.2008
Conselho Deliberativo escolheu a proposta do consórcio TBZ

A noite desta quinta-feira foi movimentada no estádio Olímpico. Mais de 200 conselheiros estiveram reunidos no salão nobre do Conselho Deliberativo para decidir a construção e o local da nova Arena.

Momento histórico, os representantes dos torcedores gremistas escolheram por quase unanimidade a proposta número 2 encaminhada ao Clube pelo consórcio português encabeçado pela TBZ e o bairro Humaitá como o local de construção da nova arena Tricolor.

O Grêmio contratou como empresa de consultoria a Amsterdam Arena, que juntamente com o clube, configurou um modelo de estádio. As propostas feitas foram baseadas nesse modelo.

O estádio terá três anéis com capacidade para 50 mil lugares, todos com cadeira. A Arena terá cobertura completa, exceto a parte do campo. Um anel terá 150 camarotes, outro será de cadeiras vips e o restante terá capacidade para 40 mil torcedores. (Gremio.net)

Não por acaso, marquei em negrito duas passagens das notícias. Uma tecla que vem sendo batida insistentemente aqui. Quase um terço dos conselheiros, NÃO COMPARECEU numa reunião fundalmental para o futuro do Grêmio. Qual a desculpa para a ausência? será que existe uma?

Guerreiro ISL

March 28, 2008

Estou me esforçando para não fazer grandes comentários. Por enquanto posso dizer que tudo aconteceu conforme a previsão dos céticos:

Guerreiro
Por dois votos a um, por entender que houve prescrição da pena, a Sétima Câmara do Tribunal de Justiça extinguiu ontem o processo contra o ex-presidente José Alberto Guerreiro pelo Caso ISL. Dia 4 de outubro de 2007, em primeira instância, Guerreiro e o ex-presidente da ISL do Brasil, Wesley Cardia, haviam sido condenados por estelionato, tendo suas penas convertidas em prestação de serviços comunitários. Também foram condenados a pagar 360 salários mínimos ao Grêmio e 150 ao Estado.

Em agosto de 2000, a ISL do Brasil pagou ao Grêmio em cheques o total de R$ 555.799. O dinheiro serviria para pagar multas relativas à contratação de Amato, Astrada e Paulo Nunes. Após a falência da ISL, empresa parceira do Grêmio, ficou constatado que o valor não haviam entrado no clube. Nominais ao Grêmio, os cheques foram endossados e depositados em contas de terceiros (Zero Hora 28 de março de 2008)

Em tempo o Blog Grêmio Imortal, corrige a Zero Hora:

A 7a. Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, por maioria (2×1), deu parcial provimento aos recursos de José Alberto Guerreiro e Wesley Cardia para REDUZIR A PENA DESSES ACUSADOS PARA 2 ANOS DE RECLUSÃO, e , de ofício, declarou extinta a punibilidade pela prescrição da pretensão punitiva.
Vencida a Desembargador Naele Piazzeta que negava provimento aos apelos.” (Blog Grêmio Imortal)

Ainda assim acertaram os céticos

Gauchão – Tabela da Fase Final

March 27, 2008

Gauchão – Classificação Final 1ªFase

March 27, 2008

Gauchão – 15 de Novembro 1 x 4 Grêmio

March 27, 2008

Novamente um jogo decidido na primeira meia hora. Talvez fosse a fragilidade do adversário, mas o time reserva até que mostrou um certo entrosamento. Jonas fez um golaço, pegando de primeira o cruzamento de Pico e abrindo o Placar. Rudinei sofreu pênalti e Reinaldo bateu com maestria. 2×0. Pico soltou um foguete na falta da intermediária. 3×0. Jonas teve um pouco de inteligência e muito de coragem ao por a cabeça na bola e “provocar” o quarto gol. No gol de honra do 15, talvez a barreira estivesse mal colocada, talvez. Nunes estava certamente mal posicionado, atrapalhou, e dificultou a vida de Marcelo, que mesmo assim tomou um gol “defensável”.


A polêmica sobre o triângulo “Grêmio-Inter-Juventude” só interessa ao Internacional. Ao menos no momento. Coloca-se o Grêmio numa situação de brigar com o bêbado e põe-se o Juventude na obrigação de vencer um clube que historicamente é muito maior que ele. Que culpa tem o Grêmio se o Inter não consegue ganhar do Juventude?

Camisa em homenagem ao aniversário de Porto Alegre
. Lembrança válida, mas esta história de camisa comemorativa já tá ficando manjada.

fotos: ClicRBS

15 de Novembro 1 x 4 Grêmio
Jonas 8´
Reinaldo (pen) 18´
Anderson Pico 21´
Jonas 22´
Maicon 33´

15 DE NOVEMBRO: Márcio Angonesi; Rafael, Lucas, Ferron e Alex Peres (Dino 25/2ºt); Dione, Edmilson, Émerson (Michel – intervalo) e Jorge Mutt; Juari (Adams – int) e Maico
Técnico: Julio Espinosa

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Felipe Mattione, Jean, William Thiego e Anderson Pico; Nunes (Rafael Carioca 33/2ºt), Rudinei, Júnior e Maylson; Jonas (André Luís 25/2ºt) e Reinaldo (Tadeu – intervalo)
Técnico: Celso Roth

Gauchão 2008 – 1ªFase – 14ª Rodada
Data: 26/03/2008, quarta-feira, 21h45min
Local: Estádio Sady Schmidt, em Campo Bom (RS)
Árbitro: Márcio Chagas da Silva (RS)
Assistentes: Alexandre Kleinich e Carlos Selbach (ambos do RS)
Cartões Amarelos: Dione, Edmílson e Rafael (15); Jean, Júnior, Maílson e Nunes (G)
Gols: Jonas, aos 8; Reinaldo, aos 18; Anderson Pico, aos 21; e Jonas, aos 22 e Maico, aos 33 minutos do primeiro tempo.

Camisas – Especial Centenario

March 26, 2008

Foram feitas duas camisas tricolores comemorativas do centenário. A primeiro um modelo de luxo, em edição limitada, com detalhes em dourado (como a gola). A segunda, uma versão popular, mais barata, sem dourado. Nas duas o símbolo antigo numa manga e o novo na outra, um símbolo do mundial estilizado na frente, além da referência ao 1º lugar no ranking da CBF. Nas costa o “logo” do centenário.


“Voltando um pouco na cronologia do centenário, em abril, foi lançada uma coleção de camisas comemorativas. Em uma festa que teve até desfile de modelos, o Grêmio mostrou a coleção do centenário. Além da indumentária de jogo, o clube apostou em uma versão limitada em 2003 cópias (com detalhes em dourado e carta assinada pelo presidente) por R$ 500 e versão popular de R$ 40, como forma de combater a pirataria. Mas o pacote do centenário ainda tinha cinco réplicas históricas, incluindo a primeira camisa, usada em 1903
‘. (Balípodo)

Gauchão – Grêmio 2 x 0 Sapucaiense

March 21, 2008
Nos 30 minutos iniciais o Grêmio jogou bem o bastante para garantir o resultado. Com alguma justiça os gols foram de Paulo Sérgio e Perea, os melhores em campo. O lateral bateu muito bem a falta e abriu o marcador; O colombiano foi opurtunista e concluiu uma jogada de falta “vencida” sobre Reinaldo. Quem chegou depois do intervalo viu muito pouca coisa.

Eduardo Costa e Nunes tem a mesma característica ( eu escrevi característica), não podem jogar juntos, o meio fica “engessado”, previsivel. Reinaldo mostrou algum serviço, especialmente com a bola no chão e em velocidade. Da mesma forma Júlio dos Santos demonstrou melhora, mas ainda está devagar, teve várias opurtunidades em que hesitou na hora de chutar.


Pereirão anda endiabrado. Já Hidalgo está mal. Verdade que nunca foi um grande apoiador, mas agora nem marcando está.

Já explicaram porque o jogo foi adiantado, mas não explicaram por que a escolha do horário das 17h, num dia útil.

Aliás, ainda no capítulo explicações devidas. Nosso presidente:
“Paulo Odone (PPS) disse que sob o ponto de vista econômico, o contrato para a concessão de bebida alcóolica para o orçamento do clube não é tão relevante. Considera que o álcool não é o grande causador do tumulto, Segundo ele, a bebida geralmente é ingerida antes. Disse que fica numa situação delicada em manifestar sua posição. “ Mas, como nunca fiquei no muro, vou votar favoravelmente a proposta de Miki Breier”, declarou.” (Página da Assembleia Legislativa do RS)


Fotos: Gremio.net e ClicRBS

Grêmio 2 x 0 Sapucaiense
Paulo Sérgio 12´
Perea 23´

GRÊMIO: Marcelo; Paulo Sérgio, Jean, Pereira e Hidalgo; E.Costa (Junior, 26/2ºT), Nunes, Julio dos Santos (André Luis, 27/2ºT) e Roger; Reinaldo (Tadeu, 18/2ºT) e Perea.
Técnico: Celso Roth

SAPUCAIENSE: Eliandro; Cirilo, Dias e Lacerda; Gian, Jucemar (Evandro, 13/2ºT), Everton, Jean Paulo (Ivo, 23/2T) e Brida; Evilásio e John (Juliano, int).
Técnico: Cirio Quadros

Gauchão 2008 – 1ªFase-13ª rodada
Data: 20/03/2008, quinta-feira, 17h00min
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Público : 21.709 (11.101 pagantes)
Renda: R$ 146.709,00
Arbitragem: Carlos Eugênio Simon, auxiliado por Marcelo Oliveira e Silva e Sedenir Martins (ambos do RS)
Cartões amarelos: Julio dos Santos (G); Dias (Sapucaiense)
Gols: Paulo Sérgio (G), aos 12 do primeiro tempo e Perea (G) aos 23 minutos do primeiro tempo

Contrato Puma

March 19, 2008
Foi difícil, mas enfim consegui encontrar uma informação sobre o contrato do Grêmio com a Puma, achei no blog Nos Acréscimos, do repórter Fernando Becker da RBS TV;

Sobre a PUMA

O “grêmio-nauta” Daniel perguntou sobre o contrato da PUMA com o tricolor. Segundo a Assessoria de Imprensa do clube, o contrato vai até 2010.”


Camisas – Tricolor 1993-1994-1995

March 19, 2008

No segundo semestre de 1993 o Grêmio voltou paro o azul celeste. O modelo era basicamente o mesmo da anterior, trocando o tom de azul.

Não consegui precisar quando (se no segundo semestre de 94 ou já em 95) a marca d´água da camisa mudou. Antes eram diveras figuras triangulares repetidas (foto acima), depois um símbolo do Grêmio estilizado e repetido (foto abaixo)

Me lembro que se vendia a camisa com o número azul com o contorno preto (foto da esquerda) mas acho que a camisa de jogo sempre foi com o número preto com contorno azul (foto da direita). Afirmo isso sem muita certeza, as fotos que achei são na sua maioria de 94 e 95, em todas o número é preto. Pode ser que em 93 o número fosse azul

Ano: 1993-1994-1995
Fornecedor: Penalty
Patrocinador: Coca-Cola

Carlos Alberto Dias em 1993

Nildo em 1994

Pingo em 1994

Paulo Nunes em 1995
Adílson em 1995
Caricatura: Museu do Grêmio

Desenho: Minhas Camisas

Desenho: Football Styling