Brasileirão – Grêmio 2 x 2 Goiás

by
Mesmo pensando na Libertadores, Autuori manteve boa parte da equipe no Brasileirão, mudando o ataque e poupando Souza. O time sentiu um pouco as ausências de uma referência na frente e de um homem de criação no meio (Joílson improvisado não deu certo). O foco em outra competição e um Goiás bem treinado foram outras dificuldades.

O jogo foi bastante truncado. O time de Hélio dos Anjos marcava muito, e parava o jogo quando necessário. Ainda assim era o tricolor que mais ameaçava, especialmente em chutes de fora da área. Tcheco e Jonas tentaram por duas vezes cada um. Os esmeraldinos ameaçavam nos rápidos contra-ataques puxados por Iarley. Mas o placar permaneceu inalterado até o final da primeira etapa.

Autuori fez duas alterações no intervalo. Saíram Adílson e Fábio Santos para o ingresso de Jadílson e Rafael Marques. Contudo o esquema não mudou, Réver passou a jogar de volante. Antes de ser possível ver o resultado das mudanças o Goiás inagurou o marcador. Aos 7, uma falta na intermediária junto a lateral, o time dá as costas a bola, Goias cobra rápido e Felipe faz o gol. Um erro primário. Mas o time reagiu e foi buscar o empate. Aos 14, Herrera fez jogada individual, de raça e insistência e sofre o pênalti. Tcheco cobra, goleiro de uma lado; bola no outro. A torcida gostou da reação, o time foi pra cima e pressionava o adversário. A virada parecia questão de tempo. Só que aos 23 minutos Rafael Marques quis sair jogando rápido numa cobrança de falta, recuou para Réver (que até então vinha fazendo uma atuação soberba). O camisa 5 errou o domínio, Felipe aproveitou, arrancou e serviu Felipe Menezes, que desviou na saída de Marcelo. Não só o time, como também o estádio inteiro sentiu o baque. A busca de novo empate era feita de forma bastante desorganizada. Jadílson, do seu modo, fazia as melhores jogadas. Numa delas, a cabeçada de Maxi passou perto. Quando tudo parecia perdido (perdão pelo inevitável clichê) a bola foi lançada em direção a área por Joílson, Herrera disputou na meia-lua, mas a bola sobrou para Maxi Lopez testar para o fundo das redes.


Mesmo sem ter feito uma grande atuação o Grêmio poderia ter vencido a partida. Pagou um preço caro por dois erros bobos.

Seja qual for o objetivo do Grêmio neste campeonato, os pontos de hoje certamente farão falta.

O resultado do jogo não passa pela arbitragem, mas os jogadores tem alguma razão em reclamar do juiz. Ramalho poderia ter sido advertido, assim como Eusébio que fez o pênalti. Sem contar com a palhaçada do juiz, que após o primeiro gol do Goiás, ficava apontando para seu apito antes da cobrança de qualquer falta.

Time perdeu a maioria dos rebotes. Escanteios para o Grêmio viravam perigosos contra-ataques do Goiás.

Acho que Herrera ganhou sua vaga. Por outro lado, me parece que Ruy pode estar perdendo seu lugar no time.

Fotos: Grêmio.net e ClicRBS

Grêmio 2 x 2 Goiás
Felipe 52´
Tcheco (pênalti) 59´
Felipe Menezes 68´
Maxi Lopez 90+2

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Ruy, Leo, Réver e Fábio Santos(Jadílson/intervalo); Adilson(Rafael Marques/intervalo), Túlio, Tcheco e Joílson; Jonas(Maxi Lópes 24’/2ºT) e Herrera.
Técnico: Paulo Autuori.

GOIÁS: Harlei; Ernando, Leandro Euzébio e João Paulo; Vitor, Ramalho, Amaral, Felipe Menezes(Zé Carlo 36’/2ºT) e Júlio César; Iarley e Felipe(Douglas 42’/2ºT)
Técnico: Hélio dos Anjos

7ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2009
Data: 20/06/2009, sábado, 18h30min
Local: Olímpico, em Porto Alegre (RS).
Público Total: 16.581 (14.481 pagantes)
Renda: R$ 230,000,50
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE).
Auxiliares: Erich Bandeira (Fifa/PE) e Jossemmar José Diniz Moutinho (PE).
Cartões amarelos: Réver, Tcheco, Jadilson (Grêmio); Iarley, Vítor (Goiás).
Gols: Felipe 7, Tcheco (pênalti) 14, Felipe Menezes 23 e Maxi López 47 do 2ºtempo

3 Responses to “Brasileirão – Grêmio 2 x 2 Goiás”

  1. Anonymous Says:

    Cara, eu estava no estádio e não vi esse primeiro tempo que tu viu! Era uma angústia só, o Goiás entrando a toque no meio da defesa e o Grêmio não chegando ao meio campo pq a bola queimava nos pés dos meias e dos atacantes, digo, do atacante, Jonas não conta.

  2. Gustavo Says:

    Assisti somente a partir dos 30 minutos do PT, na TV. Achei uma verdadeira droga. Se não foi ameaçado verdadeiramente pelo Goiás, também não ameaçou o time visitante. Um sono só.Acredito que a campanha no Brasileirão já esteja muito comprometida, embora seja cedo para dizer com muita propriedade. E é provavel que Joilson acabe assumindo a lateral-direita, pois joga melhor que Ruy.

  3. André Kruse Says:

    Anônimo e Gustavo,Foi justamente nestes primeiros 30 minutos onde o time mais ameaçou, ainda que correndo consideraveis riscos no contra-ataque

Leave a Reply to Gustavo Cancel reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.


%d bloggers like this: