A cor do Carro do Renato

Atualmente, a cor do carro do Renato Portaluppi, não é um tema que mereça a atenção da imprensa (Achei apenas uma foto do Renato na frente de uma caminhonete prata). Bem diferente do que acontecia no início dos anos 80.
Em 1983, a revista Placar fez uma matéria (imagem acima) sobre os carros vermelhos de Renato e De León, que derrubavam um “tabu” vigente no Olímpico.
O “manjadíssimo” Passat vermelho voltou a ocupar o noticiário esportivo em 1984. Primeiro a Zero Hora fez uma entrevista com Renato, sentado no capô, com o pé enfaixado e seu inseparável óculos escuros. Poucos dias depois, surgiu o relato (imagem abaixo) de um diálogo entre Koff e o camisa sete, justamente sobre a cor do carro. A resposta de Portaluppi é genial:


Koff: “Não gostei da cor do teu carro. É vermelho.
Renato: “Ora presidente, meu coração é azul. A cor do carro é só para mexer com eles.

2 Responses to “A cor do Carro do Renato”

  1. martina Says:

    hehe. foi a moda dos carros vermelhos na década de 80. ele não teve um escort conversível vermelho também?

  2. Diogo Says:

    Renato se saiu bem como sempre.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: