Brasileirão – Grêmio 2 x 1 Fluminense


O Grêmio correu e lutou bastante sob a chuva que cai no Olímpico. O time criou pouco, mas também errou pouco, e assim superou o Fluminense. O tricolor carioca até saiu em vantagem, num cruzamento do destacado Carlinhos em que Victor falhou e Fred aproveitou tal qual um “caipisaquê“. O Grêmio reagiu, indo ao ataque e forçando jogadas pelo meio da defesa adversária. Aos 30, Marquinhos recebeu de Lúcio e empatou com a ajuda do desvio na zaga adversária. O mesmo Marquinhos virou o jogo num golaço de falta (sofrida por Leandro), aos 45 da etapa inicial.

No segundo tempo o Grêmio teve a humildade/sapiência de esperar atrás por um contra-ataque, que não fluiu tão facilmente. A maior posse de bola do Flu não foi acompanhada de lances mais inspirados, e as principais ameaças a meta de Victor foram neutralizadas com corajosas intervenções dos defensores gremistas (entre os quais se destaca Gilbero Silva, um senhor centro-médio).


Primeira virada do Grêmio no campeonato. Importante. Mostra uma força que o Grêmio não demonstrava antes.

É tranqulilizador ouvir Celso Roth reconhecer que “Foi muito melhor o resultado do que o desempenho“. E ontem o resultado era muito mais importante do que o desempenho.

Lúcio deu sinais de uma retomada do seu melhor nível. É peça vital no esquema.

Ao contrário do que aconteceu no jogo anterior, Adílson teve dificuldades para marcar como lateral direito. Mas estava fora de função é completamente exposto.

A data, o horário e, principalmente, o clima eram ruins. O público ficou abaixo do esperado, mas as promoções levaram gente ao Olímpico. Quase 30% de não-pagantes.

Fotos: Luciano Leon (Final Sports), Mauro Schaefer (Correio do Povo) e Richard Ducker



Grêmio 2 x 1 Fluminense

GRÊMIO: Victor, Adilson, Saimon, Vilson e Bruno Collaço; Gilberto Silva, Fábio Rochemback, Marquinhos (William Magrão 34’/2ºT) e Lúcio; Leandro (Miralles 22’/2ºT) e André Lima (Brandão 16’/2ºT)

Técnico: Celso Roth.

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Mariano, Digão, Márcio Rosário e Carlinhos; Valencia, Fernando Bob, Souza (Martinuccio – Intervalo) e Marquinho (Araújo 23’/2ºT); Rafael Sobis (Rafael Moura 37’/2ºT) e Fred

Técnico: Abel Braga.

16ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2011

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)

Data: 14/8/2011, domingo, 18h30min

Público: 15.180 (10.690 pagantes)

Renda: R$ 188.353,00

Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa-SP)

Auxiliares: Carlos Berkenbrock (Fifa-SC) e Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP)

Cartões amarelos: Adilson, Brandão, Fábio Rochemback e Marquinhos (GRE); Digão e Fernando Bob (FLU)

Gols: Fred, aos 24’/1ºT e Marquinhos 30’/1ºT e 45’/1ºT

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: