Eleições 2012 – Questionário – Chapa 01

Em razão da eleição do dia 21 de outubro o BloGrêmio elaborou um questionário  e enviou para as 3 chapas concorrentes. 

Por sorteio as primeiras respostas a serem publicadas são a da chapa 1:

1) Nominata da chapa (Presidente e CA)
Presidente: Fábio André Koff
Vices: Adalberto Preis, Nestor Hein, Odorico Roman, Marcos Herrmann, Renato Moreira e Romildo Bolzan Jr.
2) Está vinculado formalmente a algum Grupo Político? Tem apoio de algum? Qual?
Grupos de apoio: Grêmio Imortal, Grêmio Sempre, Grêmio Sócios Livres, Grêmio Vencedor e Grêmio Unido.
3) Como avalia o atual momento do clube?
O momento do Grêmio é positivo, pois estamos prestes a realizar uma grande conquista com a inauguração da Arena o que, também deverá determinar o início de uma nova era. Assim, acreditamos que temos a maior e melhor oportunidade para avançarmos. Para “Avançar juntos” e unir todos os Gremistas em torno de um grande, inovador e ousado projeto de gestão, capaz de promover o encontro do Grêmio e da sua extraordinária torcida com a glória, para voltar a comemorar títulos de Expressão na Goethe.
Um momento especialmente favorável para que, sob a liderança de um Vitorioso, 100% dedicado ao Grêmio, não mais existam inimigos ou adversários em nossas hostes, sabedores que somos de que nossos adversários vestem outras cores.
4) Em relação a Arena, quais seus Planos e ideias? E como se encaixam no modelo de administração buscado pela sua gestão?
Em relação à Arena, existe total convergência de ideias e de segmentação. Ela é a primeira Unidade de Negócios do Grêmio. Motivo de orgulho e satisfação. Para otimizar seus resultados e caracterizar bem diferenciais a serem atingidos, terá seu Plano de Negócio Especifico, respeitada a parceira no negócio. O investimento supera a casa dos R$ 600 milhões. É, portanto, um grande e decisivo investimento.
Nosso direito de Superfície (que se transformará em direito de propriedade, após 20 anos), através de iniciativas inovadoras e em conjunto com o torcedor, razão de ser do Grêmio, deve ser potencializado.
Otimizando seus resultados, vai nos permitir maximizar recursos para o futebol. Faremos da nossa nova casa a morada de espetáculos inesquecíveis. Porém sair em carreata pela Goethe, comemorando títulos como o Tri da América, será nosso principal objetivo.
5) Possui alguma medida “emergencial” que julgue necessário a ser implementada no dia seguinte a posse? Qual?
De fato, estaremos trabalhando já á partir do dia 22.10.12. E através da administração    participativa, profissionalizaremos os diversos segmentos de negócios, com foco especial no Futebol e seu círculo virtuoso. Assim cumpriremos nosso primeiro desafio: ter uma equipe PROTAGONISTA. Vamos deixar de ser coadjuvantes.
No marketing, potencializaremos nossos inúmeros planos e, com 8 milhões de torcedores apaixonados, criaremos o círculo virtuoso financeiro, amplamente detalhado em nosso projeto, respeitando o poder aquisitivo de todas as faixas e categorias.
6) Tendo em vista o planejamento de Marketing da sua eventual gestão, qual a posição do candidato sobre a interação com a torcida gremista? E como pensa o Quadro Social nesse projeto?
Detalhar as diversas iniciativas caracterizaria quebra das boas normas de Governança Corporativa, uma vez que foram projetadas especificamente para o Grêmio. Neste momento, sua CONFIDENCIALIDADE deve ser PRESERVADA. No entanto, esclarecemos que foram submetidas à avaliação de pessoas de alta qualificação profissional e TODAS foram consideradas FACTÍVEIS. Vamos utilizar as ferramentas da função marketing num patamar nunca visto no Clube.
7) Como pensa em levar o Grêmio para o topo dos clubes mais fortes internacionalmente, visto que, tem-se ai a questão populacional (quantidade de torcedores) e geográfica (está fora do eixo Rio-São Paulo)?
Aproveitando nossos diferenciais estratégicos, que começam com a enorme paixão dos nossos torcedores e com o conhecimento e expertise de nosso presidente, cujos contatos transcendem as fronteiras nacionais. Isso permitirá constituir alianças e parcerias estratégicas inovadoras. Em nossa gestão, Grêmio vai mudar de dimensão, vai crescer de forma extraordinária.
8) É viável conseguir isto em um país com tantas desigualdades e carências em que é difícil para a esmagadora maioria pagar R$ 26 reais para ser sócio e mais os custos de 50% do ingresso e despesas para ver um (ou 4) jogo?
Cada torcedor, é um apaixonado, que deve contribuir de acordo com seu poder aquisitivo. A habilidade de atender este mercado cativo não cabe ao torcedor. É responsabilidade do dirigente, que deve ter visão e capacidade para extrair o potencial deste mercado, utilizando as ferramentas de marketing os seus relacionamentos.
9) É a favor da profissionalização REAL de todo o departamento de futebol? Como fazer para que isto não mude a cada eleição? Qual o papel da Base?
Sim somos favoráveis à total profissionalização. Passaremos por uma momento de transição, onde a magnitude das mudanças serão discutidas e explicadas a todas as instâncias do clube. Vamos desenvolver o Grêmio de forma harmônica e democrática.
Na base, adotaremos as melhores práticas na busca de talentos. Num primeiro estágio, privilegiaremos parcerias com olhos especialmente no mercado brasileiro, mas também nos vizinhos Uruguai, Argentina, Chile e Paraguai e implementaremos os planos do DNA tricolor .
As categorias de base não podem ser criadouros de atletas para terceiros. A estrutura é do Grêmio. Podemos ter voz sobre o destino do atleta. Vamos ter transparência na relação clube-investidor. Vamos resguardar os interesses do clube, mantendo o controle dos direitos econômicos dos atletas.
10) Como fazer esse projeto de gestão dar certo sem comprometer as finanças e pagando dívidas históricas?
Aumentando as receitas e, principalmente, fazendo uma gestão correta do futebol, privilegiando qualidade e não quantidade. O Grêmio acostumou-se a contratar 50 atletas a cada gestão e a substituir 5 técnicos em idênticos períodos, numa processo contínuo de gastos inconsequentes. Isso é desperdício. Preferiremos comprar 6 bons atletas por temporada e ter um técnico de primeira linha comprometido com as linhas e definições constantes no plano.
11) Qual o seu projeto para o Grêmio e seus diferenciais?
Nosso modelo é de uma administração propositiva, transparente, com olhos  no futuro, com seriedade, moralidade e ética, com normas de governança corporativa e com gestores comprometidos com seu patrimônio pessoal em casos de gestão temerária ou irresponsável, com sigilo bancário e fiscal liberados.
Vamos analisar cada unidade de negócio com seus centros de custo, de tal forma que se apurem os resultados do futebol profissional, das divisões de base, das empresas constituídas. Numa visão de futuro, definimos a Grêmio Empreendimentos como holding, com suas unidades de negócio: a Arena Porto Alegrense, a Grêmio Gestora de Talentos e a Grêmio Marca e Marketing.
O choque de gestão obedecerá ao planejamento estratégico e seus planos complementares, com definição clara dos objetivos, responsáveis e prazos. Adotaremos uma política de retribuição do tipo variável por resultados atingidos. A escolha de todos os participantes obedecerá critérios técnicos, privilegiará currículos e conhecimento e todos, inclusive os atletas, submetem-se a definição estratégica: aquele que por compulsão não se entrega nunca, por inconformismo aprimora dia após dia seus talentos, que tem a necessidade de vencer as mesmas competições que o clube para incluir no seu currículo, este é o homem.
O equívoco na escolha coloca tudo a perder.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: