Libertadores – Fluminense 0x3 Grêmio

Era grande a expectativa para esse confronto com o Fluminense. A derrota para o Huachipato já colocava o Grêmio em situação complicada no grupo. As projeções indicavam que seria preciso recuperar pontos fora de casa e o jogo do Engenhão era, em tese, o mais difícil. Mas talvez fosse justamente o que Grêmio precisava. Sob o comando de Luxemburgo o tricolor gaúcho costuma se portar bem como visitante nos grandes jogos. Sua dificuldade parece ser maior contra equipes retrancadas. 
Claro que houve uma grande mudança de postura, de atitude do Grêmio, mas o bom desempenho se explica também pela característica da partida. O Fluminense gosta de um jogo franco, e dessa vez não foi diferente, tendo tentado ir para cima da defesa gremista desde o início do jogo. E o Grêmio, bem posicionado (ocupou a frente da área e ofereceu os lados para o adversário), conseguiu travar o Flu. A bola não chegava em Fred. Logo a superioridade gremista foi aparecendo, uma vez que eram azuis as melhores chances. O gol saiu aos 32 minutos, num escanteio em que o lateral Bruno se preocupou tanto em agarrar Barcos que se esqueceu da bola e marcou contra. 1×0 foi o placar da primeira etapa.
Abel mexeu no seu time no para o segundo tempo. Deco voltou no lugar de Vagner, mas o domínio gremista só aumentou. O Fluminense tentou forçar o jogo aéreo, mas a defesa do Grêmio esteve muito bem, tanto por cima, como também por baixo. Com isso foram surgindo oportunidades de contra-ataque e o Grêmio as soube aproveitar. Barcos e Vargas se entenderam na frente e o placar foi dilatado. André Santos fez o segundo aos nove e Vargas marcou o terceiro aos 24. O Fluminense praticamente não mostrou reação e no final se ouvia a torcida do Grêmio saudando a troca de passes dos seus atletas com o clássico “olé”

O resultado paralelo foi bom e tudo voltou a estaca zero. As chances de classificação voltam a ser boas e ainda é possível pensar na primeira colocação do grupo. Mas é preciso um pouco de cautlea. hoje o Grêmio pulou da lanterna para o 1º lugar. Não é improvável que o inverso possa acontecer na última rodada.

Barcos foi um monstro. Ganhou todas as bolas que disputou. Foi bem na funçao de pivô e soube sair da área para buscar jogo e criar jogadas. Uma atuação impecável.
Fernando foi outro destaque. Marcou, combateu e organizou a saída de jogo do Grêmio. Talvez o desempenho dele nessa partida não sirva para comprovar que Luxemburgo tenha errado na escalação contra o Huachipato, mas é uma boa mostra de que não é tão simples tirar o Fernando do time titular.

O gol foi um detalhe, mas André Santos mostrou significativa melhor em relação ao futebol apresentado na semana passada. Contudo, parece ainda carecer de melhor condição física.

A nosso favor é muito bonito, mas o bandeirinha nao pode errar um impedimento como o do lance do segundo gol.

Contra o Huachipato, Vargas pouco contribuiu jogando centralizado e mais recuado do que o Elano. Hoje ele se posicionou mais adiantado e aberto pela direita, rendendo bem mais assim.

Pode ser questão de memória afetiva/seletiva, mas esse uniforme com camisa celeste e calções e meias pretas sempre me traz boas recordações

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net), Alexandre Cassiano (O Globo) e Nelson Perez (Fluminense)

Fluminense Fluminense 0x3 Grêmio Grêmio

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Leandro Euzébio, Anderson e Carlinhos; Edinho, Jean, e Wágner (Deco – Intervalo); Wellington Nem (Thiago Neves – 17’/2ºT), Fred e Rafael Sobis (Samuel – 18’/2ºT).  
Técnico: Abel Braga
GRÊMIO: Dida; Pará, Werley, Cris e André Santos; Fernando, Souza (Adriano – 35’/2ºT), Elano (Marco Antônio – 33’/2ºT) e Zé Roberto; Vargas (Welliton – 37’/2ºT) e Barcos.  
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

2ª Rodada – Fase de Grupos – Libertadores 2013
Data: 20/02/2013, quarta-feira, 22h00min
Local: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Público: 18.947 pagantes
Renda: R$ 747.550,00
Árbitro: Paulo César de Oliveira (Fifa/SP)
Assistentes: Márcio Santiago (Fifa/MG) e Fabrício Vilarinho (Fifa/GO)
Cartões amarelos: Anderson (FLU); Elano e Zé Roberto (GRE)
Gols: Barcos (32min/1ºT), André Santos (9min/2ºT) e Vargas (24min/2ºT)

3 Responses to “Libertadores – Fluminense 0x3 Grêmio”

  1. Sancho Says:

    Recordações, eu não sei, mas é bonito pacas…

  2. Romeu Says:

    Muito boa leitura do jogo concordo com tudo acho que o Luxa ainda precisa encotrar soluções para enfentrar times retrancados mas o Barcos chega para acabar com parte deste problema, desempenhando o papel de pivô que o Moreno nunca poderá desempenhar, retendo a bola na área adversária e passando com qualidade.

  3. Anonymous Says:

    Em relação ao uniforme: Só não gostei do detalhe dourado na bermuda. Até entendo quando combinado com a camisa tricolor, que também tem esses “enfeites” dourados, mas com a camisa celeste ficou esquisito. Alias, não teremos 2 e 3º camisa da libertadores?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: