As eleições atrapalham o rendimento do time?

Com o jejum vivido pelo Grêmio fica bem mais fácil criar teses rasas que atribuem um único fator para o insucesso do time. Uma dessas teses que mais me incomoda é a que demoniza a política (ou mais precisamente a “briga política”). Como se a participação democrática fosse problema, e não solução.

Como ferrenho defensor da democracia no clube, eu nunca entendi bem porque o argumento de que “as eleições atrapalham o time” é aceito com tanta facilidade, mas sem haver nenhum dado que o confirme. Assim resolvi fazer uma pesquisa.

O primeiro dado que me ocorreu foi de que as piores campanhas do Grêmio no Brasileirão, desde a volta da Série B, ocorreram justamente nos anos que não ocorreu nenhum tipo de eleição, conforme se pode ver na tabela abaixo:

eleição futebol ano

Mas decidi focar a pesquisa no rendimento antes, durante e depois do período eleitoral. O método que escolhi foi de acompanhar o desempenho do Grêmio no Brasileirão em diversos momentos: 2 meses antes da eleição, 1 mês antes, um jogo após e 1 mês após a eleição.

Pela minha leitura dos dados fica difícil defender a ideia de que o desempenho do time é atrapalhado pelas eleições. Conforme se pode observar abaixo (e também nas tabelas separadas por aproveitamento e colocação, para facilitar a visualização e pontuação), em alguns anos o rendimento do time até aumentou no mês da eleição, sendo que na maioria das vezes permaneceu praticamente inalterado:

eleição futebol aproveitamento

2007 – 29 de setembro – Eleição para o Conselho Deliberativo
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 55,55% de aproveitamento (3º colocado com 25 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 49,48% de aproveitamento (7º colocado com 32 pontos)
– Após rodada posterior a eleição – Grêmio 55,95% de aproveitamento (3º colocado com 47 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 54,54% de aproveitamento (5ª colocado com 54 pontos)
_______________________________________________

2008 – 18 de outubro- Eleição para a Presidência
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 73,33% de aproveitamento (1º colocado com 44 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 64,10% de aproveitamento (1º colocado com 50 pontos)
– Após rodada posterior a eleição – Grêmio 62% de aproveitamento (1º colocado com 56 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 63% de aproveitamento (2º colocado com 66 pontos)

_______________________________________________

2010 – 11 de setembro – Eleição para o Conselho Deliberativo
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 37,50% de aproveitamento (15º colocado com 9 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 35,70% de aproveitamento (15º colocado com 15 pontos)
– Após a rodada imediatamente posterior a eleição – Grêmio 41,27% de aproveitamento (12º colocado com 26 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 49,4% de aproveitamento (8º colocado com 43 pontos)

_______________________________________________

2012 – 21 de outubro de 2012 – Eleição para a Presidência
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 62,96% de aproveitamento (4º colocado com 34 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 62,8% de aproveitamento (3º colocado com 49 pontos)
– Após a rodada imediatamente posterior a eleição – Grêmio 60,6% de aproveitamento (3º colocado com 60 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 62% de aproveitamento (2º colocado com 67 pontos)

_______________________________________________

2013 – 28 de setembro – Eleição para o Conselho Deliberativo
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 55,55% de aproveitamento (7º colocado com 15 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 58,3% de aproveitamento (3º colocado com 28 pontos)
– Após a rodada imediatamente posterior a eleição – Grêmio 58,3% de aproveitamento (2º colocado com 42 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 56,98% de aproveitamento (3º colocado com 53 pontos)

_______________________________________________

2014 – 18 de setembro – Eleição para a Presidência Conselho Deliberativo
– Dois meses antes da eleição – Grêmio 48,88% de aproveitamento (8º colocado com 22 pontos)
– Um mês antes da eleição – Grêmio 54,54% de aproveitamento (5º colocado com 36 pontos)
– Após a rodada imediatamente posterior a eleição – Grêmio 54,02% de aproveitamento (6º colocado com 47 pontos)
– Um mês após a eleição – Grêmio 58,82% de aproveitamento (4º colocado com 60 pontos)
_______________________________________________

eleição futebol posição

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: