Brasileirão 2014 – Fluminense 0x0 Grêmio

Muitas queixas podem ser feitas em relação a esse time do Grêmio, menos de que não tem um padrão. Diante do Fluminense (adversário direto pelo G4) a atuação da equipe gremista foi muito parecida com a partida contra o Flamengo, no mesmo Maracanã, no início do mês. Novamente os comandados de Felipão adiantaram a linha de marcação e controlaram o setor de meio campo durante todo o primeiro tempo. E dessa vez é importante dizer que esse controle não foi totalmente inofensivo como em outros jogos fora de casa. O Grêmio ameaçou bastante o gol defendido por Diego Cavalieri, especialmente em jogadas criadas pelo lado direito de ataque. Aos 17 Fellipe Bastos acertou a trave em forte chute de fora da área e aos 32 Barcos foi travado com um carrinho por Marlon (que na minha ótica atingiu o joelho do argentino e não chegou perto de tocar na bola) mas Heber Roberto Lopes não marcou o pênalti.
O Grêmio seguiu melhor no início dos segundo tempo. Logo aos 4 minutos Pará fez boa combinação com Ramiro e cruzou para Barcos, que de cabeça mandou a bola no travessão. O Fluminense começou a se ajeitar em campo e finalmente fez com que Marcelo Grohe trabalhasse. Aos 16 e 17 minutos o camisa 1 gremista fez duas grandes defesas, mostrando que o fato do Grêmio ter a defesa menos vazada do campeonato passa muito pelo seu goleiro. Grêmio e Fluminense seguiram buscando abrir o marcador, mas o jogo terminou num 0x0 que teve um gosto muito mais amargo para o tricolor gaúcho.

A grande novidade dessa partida foi o Grêmio voltando para um 4-2-3-1, com Ramiro atuando aberto pela direita, praticamente na mesma linha de Luan e Dudu. E como já foi dito acima, foi pelo lado direito de ataque que o Grêmio mais criou.
Não dá pra entender como Bressan ficou tanto tempo “arquivado” no Grêmio. Não acho que ele deveria ser um titular absoluto, mas também não pode ser a última opção entre os zagueiros.
Para o Sportv, Barcos sofreu pênalti de Marlon. Para a Zero Hora, Barcos “foi dispersivo e simulou faltas em excesso”. Pra mim o pênalti é claro. O zagueiro do Fluminense deu um carrinho que não acertou a bola e desequilibrou o camisa 9 gremista. E tenho minhas dúvidas se Ramiro não sofreu falta de Carlinhos no lance que terminou com o chute na trave de Fellipe Bastos.
Talvez agora que o Marcelo Grohe está batendo recorde de tempo sem tomar gols seja possível comprar o uniforme dele na GrêmioMania. 
Por mais revoltante e incoerente que seja, eu não me surpreendo com essa negativa da CBF de ceder a Granja Comary para o Grêmio. Mas duas lições podem ser extraídas dessa história: 1) o clube não pode contar antecipadamente com a boa vontade da CBF para organizar a sua logística. 2) o clube deve lutar para não ter marcada na tabela uma sequência de dois jogos fora de casa.

Fotos: Alexandre Cassiano (O Globo), Cleber Mendes (Lance) e Nelson Perez (Fluminense F.C.)

Fluminense Fluminense 0x0 Grêmio Grêmio

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Elivélton, Marlon e Carlinhos (Chiquinho, Intervalo); Rafinha (Gustavo Scarpa, 41’/2ºT), Jean, Cícero e Wágner; Rafael Sobis (Kenedy, 11’/2ºT) e Fred.  
Técnico: Cristovão Borges

GRÊMIO: Marcelo Grohe, Pará, Bressan, Rhodolfo e Zé Roberto; Walace (Riveros, 34’/2ºT), Fellipe Bastos e Ramiro; Luan (Fernandinho, 38’/2ºT), Dudu (Lucas Coelho, 43’/2ºT) e Barcos

Técnico: Luiz Felipe Scolari

24ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2014
Data: 24/09/2014, quarta-feira, 22h00min 
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro-RJ
Público: 6.840 (6.211 pagantes)
Renda: R$ 166.365,00
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes:  Kleber Lucio Gil (SC) e Emerson Augusto de Carvalho (SP)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: