Brasileirão 2014 – Grêmio 2×0 Sport

O placar final de 2×0 pode dar a impressão de que o Grêmio finalmente teve uma vitória tranquila em casa nesse Brasileirão. Mas não foi bem isso que aconteceu. O próprio treinador gremista classificou a atuação do time como “razoável”. Na escalação, pode se perceber uma mudança no setor ofensivo. Fernandinho foi escalado para jogar aberto pelo lado direito, praticamente espelhando o posicionamento que Dudu tem pela esquerda. Um pouco mais recuado ficava Alan Ruiz, com a missão de acionar os dois “pontas” acima citados e o centroavante Barcos. O começo de jogo do Grêmio foi um pouco truncado, o time conseguiu ter a bola no campo de ataque mas as conclusões só aconteceram em chutes de longa distância de Fellipe Bastos (chutes com boa força, mas pouca direção). O Sport tinha espaços no contra-ataque, mas o tricolor  acabou se ajeitando em campo aos 30 minutos, com o gol de Alan Ruiz,  que aproveitou uma bola vinda de Barcos para soltar um foguete da entrada da área e abrir o marcador.
No segundo tempo o Grêmio recuou, atraindo o Sport para o seu campo em busca de espaços para contra-atacar. O problema é que ao fazer isso o time acabou cometendo algumas faltas perigosas na frente da área. Por sorte os visitantes não aproveitaram e o tricolor seguiu esperando por uma bola para liquidar o jogo. E essa bola foi lançada por Giuliano, aos 31 minutos do segundo tempo, encontrando Dudu com todo o campo de ataque livre para avançar, driblar o goleiro Magrão e marcar o 2×0.

Felipão foi muito bem na coletiva pós-jogo. Fez as piadas que queria fazer (a “dos oito volantes” e do “bolo x confusão com Luxemburgo“) mas nem por isso deixou de fazer a (auto)crítica da equipe, deixando bem claro o que espera ver melhorado (posicionamento e posse de bola). Único elemento que ele deixou de citar foi o baixo aproveitamento da bola parada. Contudo ele já se manifestou anteriormente sobre isso.
Um fornecedor “alternativo” embarcou no Outubro Rosa antes do fornecedor de material esportivo oficial.
Grande partida do Tiago Machowski. Passou segurança desde o apito inicial.

Tivemos 46 mil pessoas presentes na Arena no sábado. 4 dias depois, num jogo pelo mesmo campeonato, o público caiu para 13 mil. Essa dinâmica da torcida pode ser curiosa, difícil de entender, mas é plenamente conhecida. Em razão disso, penso que não faz muito sentido  o preço dos ingressos contra o Sport, numa quarta-feira as 22h, ser o mesmo do jogo contra o São Paulo num sábado as 16h20.

Fotos: André Kruse (Grêmio1983.blogspot), Fabiano do Amaral (Correio do Povo) e Ricardo Rimoli (Lance)
Grêmio Grêmio 2×0 Sport Sport

GRÊMIO: Tiago; Pará, Geromel, Rhodolfo (Bressan, 18’/2º) e Zé Roberto; Ramiro, Fellipe Bastos,  Fernandinho (Walace, 28’/2º), Alán Ruiz (Giuliano, 21’/2º) e Dudu; Barcos
Técnico: Luiz Felipe Scolari

SPORT: Magrão; Patric, Durval, Henrique Mattos e Renê; Wendel, Rithely, Augusto (Ananias, intervalo) e Danilo (Mike, 16’/2º); Diego Souza e Neto Baiano (Felipe Azevedo, intervalo).
Técnico: Eduardo Baptista

27ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2014
Data: 8/10/2014, quarta-feira, às 22h00min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Público: 13.327 (11.659 pagantes)
Renda: R$ 247. 559,00
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (FIFA-RJ)
Auxiliares: Rodrigo Henrique Corrêa-RJ e Luiz Claudio Regazone-RJ
Cartões amarelos: Geromel, Giuliano, Walace (GRE); Wendel (SPT)
Gols: Alán Ruiz, aos 30 minutos do primeiro tempo e Dudu, aos 31 minutos do segundo tempo

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: