Libertadores 2016 – LDU Quito 2×3 Grêmio

O Grêmio jogou bem, atuando com inteligência e simplicidade, e assim conseguiu um importante vitória (e a classificação) em Quito.  Com a bola o time procurava jogar com toques curtos e bastante movimentação. Na defesa o tricolor se precaveu bem da tentativa de explorar a bola aérea feita pela LDU. Os mandantes assustaram no começo, mas o gol marcado por Romero aos 2 minutos foi corretamente anulado por impedimento. O Grêmio passou a ficar com a bola, apostando no desespero do adversário. Deu certo. Aos 12 minutos Douglas apareceu pelo lado direito de ataque, acionou Luan pelo centro e entrou em diagonal na área para receber de volta, cortar o zagueiro e fazer o 1×0.   Aos 25 foi Giuliano que apareceu pelo meio e buscou Bobô dentro da área. O camisa 13 não desperdiçou e concluiu com tranquilidade na saída do goleiro Domínguez. Primeiro tempo de luxo do tricolor.

Logo aos 30 segundo do tempo a LDU conseguiu descontar, com Quintero, que avançou com alguma facilidade pelo lado esquerdo da defesa gremista. Contudo o Grêmio reagiu bem. Aos 7 minutos o goleiro Domínguez cortou um cruzamento para a entrada da sua área. Lá estava Walace, que tirou a bola de uma poça da água e colocou ela na gaveta. Mas apesar da vantagem, o Grêmio decaiu bastante na última meia hora de jogo. O time não conseguiu mais reter a bola no campo de ataque. Aos 32 minutos Cevallos descontou num chute de fora da área que desviou em Giuliano e Marcelo Grohe demorou a reagir. Os últimos lances da partida forma bastante tensos, uma vez que os atletas gremistas aparentam ter dificuldade até para dar chutão para frente e a LDU seguiu levantando bola na área até o apito final. 



Assim como aconteceu em 2014, o Grêmio se classificou no “grupo da morte” antes da última rodada.
Walace é um monstro. Sua presença em campo faz muita diferença no desempenho do time, especialmente pela capacidade levar a bola para o ataque com velocidade e qualidade.
Bobô está com uma média de gols muito boa nessa temporada.
Segundo o Gamecast da ESPN  Geromel jogou bastante recuado na sobra e Edinho atuou quase na mesma linha do Fred. 

Mesmo com quase uma semana de treinamento e adaptação em Quito deu pra ver que o time sentiu bastante o cansaço nos minutos finais. Mas não podemos desconsiderar que nem todas as substituições feitas no segundo tempo deram resultado. Pedro Rocha e Lincoln não conseguiram segurar a bola no ataque.
O Grêmio só tem usado essa meia toda preta (mais bonita na minha opinião) na Libertadores.

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Eduardo Moura (Globo Esporte)

LDU Quito LDU Quito 2×3 Grêmio Grêmio

LDU: Domínguez; Quintero (Padilla, 27’/2º), Romero, Ayoví e Estupiñan (Cevallos, 18’/2º); Vega, Benavidez, Morales, Brahian Alemán; Puch (Villalva, 3’/2º) e Tenorio.
Técnico: Álvaro Gutiérrez
GRÊMIO:Marcelo Grohe; Wallace Oliveira, Geromel, Fred e Marcelo Hermes; Edinho, Walace, Giuliano, Douglas (Pedro Rocha, 32’/2º) e Luan (Bressan, 39’/2°);Bobô (Lincoln, 37’/2°)
Técnico: Roger Machado
05ª Rodada – Grupo 6 – Libertadores 2016
Data: 13/04/2016, quarta-feira, 21h45min
Local: Estádio Casa Blanca, em Quito (Equador)
Árbitro: Roberto Tobar (Chile)
Assistentes: Christian Schiemann e Raúl Orellana (trio chileno)
Cartões Amarelos: Alemán e Tenorio (LDU); Bobô, Grohe e Wallace Oliveira (Grêmio)
Gols: Douglas, aos 12 minutos do 1º tempo, Bobô aos 25 minutos do 1º tempo; Quintero, aos 30 segundos, Walace, aos 7 minutos do 2º tempo e Cevallos, aos 32 minutos do segundo tempo

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: