Libertadores 2017 – Grêmio 4×1 Guaraní-PAR

IMG_8541IMG_8542IMG_8543
O Grêmio voltou a usar seu time titular na Libertadores e voltou a vencer. Destaque para Lucas Barrios, que justificou a confiança dada pelo treinador, ao ser escalado desde o início, marcando 3 dos 4 gols da partida.

O 4×1 pode ajudar a resgatar a confiança. Por um lado o Grêmio voltou a mostrar algumas das suas virtudes, como o poder de fogo e a variação de jogadas do seu ataque. Por outro, voltou a ter problemas para controlar uma partida onde as circunstâncias lhe eram favoráveis. O time mais uma vez pareceu ter dificuldade em manter o mesmo nível de concentração e intensidade durante os 90 minutos.

Barrios abriu o placar logo aos 7 minutos, aproveitando bom cruzamento. O paraguaio voltou a marcar aos 28, aproveitando boa jogada feita pelo lado esquerdo de ataque, onde Marcelo Oliveira apareceu dentro da área para dar a assistência. A defesa tricolor se atrapalhou aos 34 minutos, quando Leo Moura acabou marcando contra numa bola erguida na área por Rolón. Aos 40, Luan desperdiçou pênalti sofrido por Arthur, mas aos 48, Geromel teve liberdade para se movimentar na área e marcar de cabeça, após escanteio cobrado por Léo Moura.

No segundo tempo, mesmo jogando com um jogador a mais (Camacho foi expulso no final da primeira etapa), o Grêmio custou a liquidar o jogo. O quarto gol só saiu aos 31 minutos, quando Lincoln (que havia ingressado no lugar de Luan) deu bom passe para Barrios marcar o seu terceiro gol da noite.

IMG_8573aIMG_8574

Gostei e concordei com a explicação dada por Renato pela escolha de Jaílson como titular (maior poder de marcação e maior altura). Foi uma das poucas vezes que o treinador deu uma explicação técnica/tática para uma pergunta feita na coletiva. Normalmente ele opta por falar em controle, confiança e estado anímico dos atletas (o que não é um tema que me interessa tanto).

Estranhamente o time do Grêmio ainda não usou o calção preto da nova coleção.

Público de ontem (21.300/19.184 pagantes) foi o menor do Grêmio em jogo de Libertadores desde partida contra o Bolívar em 13 de março de 2003. É lamentável que tenha se repetido os altos preços dos ingressos do primeiro jogo contra o D. Iquique.

IMG_8578

IMG_8537aIMG_8537b

Grêmio 4×1 Guaraní-PAR

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira; Jailson, Ramiro, Luan (Lincoln, 26/2ºT), Bolaños (Arthur, 13/1ºT) e Pedro Rocha; Lucas Barrios (Everton, 34/2ºT).
Técnico: Renato Portaluppi.

GUARANÍ: Alfredo Aguilar; Carlos Rolon, Nery Bareiro, Luis Cabral e Tomas Bartomeus; Marcelo Palau, Wilson Pittoni(Martínez, 38’/2ºT), Juan Aguilar e Antonio Marin; (Contrera, int.) Epifanio Garcia e Nestor Camacho (V).
Técnico: Daniel Garnero

Libertadores 2017 – Grupo 8 – 4ª Rodada
Data: 27/04/2017, Quinta-feira, 21h45min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre-RS
Árbitro: Patrício Lostau – ARG
Auxiliares: Hernan Maidana e Gustavo Rossi
Público: 21.300 (19.184 pagantes)
Renda: R$ 593.856,00
Cartões amarelos: Pittoni (GUA); Arthur (GRE), Barrios (GRE);
Cartão vermelho: Camacho (GUA)
Gols: Lucas Barrios, aos 7 minutos, aos 28 minutos do primeiro tempo, Léo Moura (contra), aos 34 minutos do primeiro tempo. Pedro Geromel, aos 48 minutos do primeiro tempo e Lucas Barrios, aos 31 minutos do segundo tempo

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: