Archive for the ‘Avaí’ Category

Brasileirão 2019 – Grêmio 6×1 Avaí

September 27, 2019

Gremio x Avai

O Grêmio não deu nenhuma chance ao azar e passou por cima do Avaí ontem na Arena. Quatro gols no primeiro tempo e mais outros dois tentos na etapa final.

O “timing” para um retorno triunfal de Luan não poderia ser melhor.

– Média de Público do Grêmio no Brasileirão 2019:
19.570 (17.353 pagantes)

– Média de público do Grêmio na Arena na atual temporada:
24.041 (21.807 pagantes)

– Média de público do Grêmio como mandante em 2019:
24.778 (22.501 pagantes)

Gremio x Avai
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net)

Grêmio 6×1 Avaí

GRÊMIO: Paulo Victor; Rafael Galhardo (Léo Moura, aos 19/2°T), David Braz, Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Matheus Henrique, Luciano (André, aos 19/2°T), Luan e Everton;Diego Tardelli (Pepe, aos 33/2°T)
Técnico: Renato Portaluppi

AVAÍ: Vladimir (Glédson, no intervalo); Iury, Betão, Zé Marcos e Igor Fernandes; Richard Franco (Jonny Mosquera, aos 26’/2°T), Pedro Castro, Matheus Barbosa e Gustavo Ferrareis (Gegê, aos 29’/2°T); Caio Paulista e Jonathan
Técnico: Alberto Valentim

21ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2019
Data: 26 de setembro de 2019, quinta-feira, 20h00min
Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre – RS
Público: 16.910 (14.861 pagantes)
Renda: R$ 445.029,00
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (FIFA-PR)
Assistentes: Bruno Boschilla (FIFA-PR) e Victor Hugo Imazu dos Santos (PR)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Cartões amarelos: Michel, Jonathan
Gols: Diego Tardelli, aos quatro minutos; David Braz, aos 13 minutos; Luan, aos 37 minutos e Luciano, aos 45 minutos do 1° tempo; Cortez, aos 18 minutos; André, aos 24 minutos e Gegê, aos 40 minutos do 2° tempo

Advertisements

Brasileirão 2019 – Avaí 1×1 Grêmio

May 2, 2019

Gremio x Avai

1 ponto conquistado em 6 disputados. O começo de Brasileirão do Grêmio é inegavelmente ruim. Com time misto, o tricolor não fez uma grande atuação ontem em Florianópolis.

No primeiro tempo, o Grêmio até teve mais posse de bola e trocou mais passes que o Avaí, mas só foi ter uma chance concreta aos 44 minutos, quando Rômulo subiu alto e aproveitou o escanteio bem batido por Montoya para fazer o 1×0.

Nos 45 minutos finais o tricolor não soube aproveitar a vantagem. Foram poucas as situações que o time conseguiu encaixar um contra-ataque. Everton, que entrou para aproveitar os espaços deixados pelo adversário, segurou demais a bola, inclusive no lance que originou o gol de empate dos mandantes.

Gremio x Avai
Fotos:  Lucas Uebel (Grêmio.net)

Avaí 1×1 Grêmio

AVAÍ: Vladimir; Eduardo Kunde (Luan Pereira, 28’/2ºT), Betão e Marquinhos Silva; Alex Silva, Matheus Barbosa (André Moritz/int), João Paulo, Pedro Castro e Paulinho; Brizuela (Jones Carioca, 30’/2ºT) e Getúlio
Técnico: Geninho

GRÊMIO: Paulo Victor; Léo Gomes, Geromel, Michel e Juninho Capixaba; Rômulo e Matheus Henrique; Montoya, Luan (Thaciano, 19’/2ºT) e Diego Tardelli (André, 25’/2ºT); Felipe Vizeu (Everton, 19’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

02ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2019
Data: 1º/05/2019 – Hora: 19h15min
Local: Estádio Ressacada, em Florianópolis-SC
Público: 12.181 (11.777 pagantes)
Renda: R$ 469.861,00
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhaes
Assistentes: Michael Correia e Carlos Henrique Alves de Lima Filho
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Cartões amarelos: Eduardo Kunde, Betão, Marquinhos Silva, Alex Silva; Rômulo e Geromel
Gols: Rômulo, aos 44 minutos do primeiro tempo; e Michel (contra), aos 39 do segundo tempo

Brasileirão 1974 – Avaí 0x1 Grêmio

May 1, 2019
1974 avai gremio humberto ramos carlos alberto cp v

Foto: Correio do Povo

O primeiro confronto entre Avaí e Grêmio pelo Campeonato Brasileiro aconteceu em 1974, numa vitória tricolor por 1×0 no Orlando Scarpelli.

É interessante apontar que em 20 de março daquele ano o Grêmio já estava jogando pela 4ª rodada do Brasileirão de 1974, sendo que o Brasileirão de 1973 só encerrou em 20 de fevereiro de 1974 (o último compromisso do Grêmio havia sido em 09 de fevereiro)

avai zh

Foto: Zero Hora

“O GRÊMIO FICOU NO 1X0

FLORIANÓPOLIS — Desta feita, o Grêmio se deu mal com a chuva, pois esteve bem longe da média de suas atuações — especialmente a do Curitiba, onde nem mau tempo foi empecilho para um comportamento elogiável da equipe —, passando enorme trabalho para manter sua invencibilidade e liderança no grupo A, através de um minguado 1×0 sobre o Avaí, marcador estabelecido através de golo contra, em lance infeliz do zagueiro Ari Prudente. Um tento isolado e que disse, na verdade, o labor pouco convincente do elenco tricolor diante do representante catarinense, que jamais chegou a ser envolvido na partida, duelando de igual com o adversário e, inclusive, desfrutando de excelentes oportunidades para fugir da derrota.

O Grêmio teve um início fraco na noite do jogo com chuva no “Orlando Scarpelli”, sua meia cancha mostrava problemas e o Avaí tomou a iniciativa dos ataques. Aos 4 minutos, após jogada do ponteiro João Carlos, Balduíno levou perigo até Picasso. Aos 13, era a, vez de Toninho tumultuar a retaguarda tricolor, depois de Beto Fuscão ser envolvido. O Grêmio só conseguiu atacar com pretensões pela primeira vez aos 15min. Tarciso invadiu, chutou para Rubens defender parcialmente e Loivo desperdiçar o rebote, alvejando por cima. Aos 28 min, uma outra oportunidade ofensiva do Grêmio. Novamente Tarciso infiltrou-se, ficou com apenas o goleiro pela frente mas perdeu a calma e chance, atirando desviado.

O Avaí respondeu dois minutos depois, com bom lance patrocinado por João Carlos, que arrematou nas costas de Ancheta, ficando tudo em escanteio. A resposta tricolor veio com Humberto Ramos, que adiantou demais a bola ao penetrar na área. A última chance gremista ocorreu nos 33 min. E foi a melhor do período inicial, já que Everaldo arrematou certo com Rubens fora da meta, a bola tinha endereço fatal, quando surgiu Souza e salvou, de cabeça, de cima da risca fatal.

Foi logo no reinicio de par- tida que o Grêmio ficou em vantagem no marcador. Carlinhos fugiu pela direita e fez cruzamento. Acossado por Tarciso, Ari Prudente, na tentativa de aliviar, colocou a bola fora do alcance de Rubens. Mesmo com 1×0, o Grêmio não chegou a se encontrar em campo e teve enormes dificuldades para conter ímpeto do Avaí, que passou decisivamente à ofensiva em busca da igualdade no marcador’. E não foram poucos os momentos de aperto que rondaram a defensiva tricolor e o arqueiro Picasso.” (Correio do Povo, quinta-feira, 21 de março de 1974)

Fonte: Acervo Histórico do Grêmio

 

chamada guaiba

Avaí 0x1 Grêmio

AVAÍ: Rubens; Souza, Vilela, Orivaldo e Ari Prudente; Veneza, Zenon e Balduíno; Martoni (Lourival), Toninho e João Carlos
Técnico: Jorge Ferreira

GRÊMIO: Picasso; Everaldo, Ancheta, Beto Fuscão e Jorge Tabajara; Carlos Alberto, Humberto Ramos (Mazinho) e Torino; Carlinhos, Tarciso e Loivo.
Técnico: Sérgio Moacir Torres

Data: 20 de março de 1974, quarta-feira, 21h00min
Local: Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis-SC
Renda: Cr$ 75.624,00
Árbitro: Eraldo Palmerini
Assistentes: José C. Bezerra e Alvir Renzi
Gol: Ari Prudente (contra)

Brasileirão 2017 – Avaí 2×2 Grêmio

November 1, 2017

avai 2017

O time reserva do Grêmio teve uma atuação razoável diante do “deseperado” Avaí e até poderia ter obtido um placar melhor do que esse 2×2 na Ressacada caso tivesse tido melhor sorte em alguns lances, como no impedimento indevidamente marcado no gol de Bressan aos 25 minutos do primeiro tempo ou no bate e rebate que culminou no último gol da partida.

Me pareceu que Kaio e Leonardo Gomes finalmente conseguiram ter um bom desempenho com a camisa do Grêmio. Michel também foi bem jogando um pouco mais avançado (Cristian teve uma atuação bem discreta jogando na frente da zaga).

O índice “participação em gols por minuto jogado” do Everton deve ser muito alto (se é que existe este índice)

avai marquinhos 2017
20171029-Avaí-2x2-Grêmio-FOTO-Jamira-Furlani-01
Fotos: Jamira Furlani (Avaí F.C.)

Avaí 2×2 Grêmio

AVAÍ: Douglas; Leandro Silva, Fagner Alemão, Betão e João Paulo (Capa, aos 15’/1°T); Judson, Pedro Castro e Marquinhos (Joel, aos 15’/1°T); Rômulo (Maurinho, aos 28’/1°T), Júnior Dutra e Luanzinho.
Técnico: Claudinei Oliveira

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo, Rafael Tyhere, Bressan e Marcelo Oliveira; Michel, Cristian, Kaio (Dionathã, aos 40’/2°T), Patrick (Jean Pyerre, aos 22’/2°T) e Éverton; Jael (Beto da Silva, aos 21’/2°T).
Técnico: Renato Portaluppi

31ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2017
Data: 29/10/2017, domingo, 19h00min
Local: Ressacada, Florianópolis-SC
Público: 9.880 (9.661 pagantes)
Renda: R$ 258.970,00
Árbitro: Dewson Fernandes Freitas da Silva (PA).
Auxiliares: Helcio Araujo Neves (PA) e Jose Ricardo Guimarães Coimbra (PA).
Cartões amarelos: Jael (GRE), João Paulo (AVA)
Gols: Rafael Thyere, aos 13 minutos do primeiro tempo; Pedro Castro, aos 28 minutos do primeiro tempo; Kaio, aos 35 minutos do primeiro tempo; Leandro Silva, aos 18 minutos do segundo tempo.

Brasileirão 2017 – Grêmio 0x2 Avaí

July 11, 2017

2017 gremio 0x2 avai lucas uebel (2)

Terceira derrota seguida do Grêmio no Brasileirão, sendo que dois desses jogos foram em casa. Talvez isso sequer sirva de consolo, mas é importante lembrar que mais uma vez o goleiro adversário foi o melhor em campo.

O tricolor fez um bom primeiro tempo, quando teve várias oportunidades de abrir o marcador, mas esbarrou na inspirada atuação do goleiro Douglas Friedrich. Na etapa final o volume de jogo gremista diminuiu, mas ainda assim o time seguiu com a bola no campo de ataque e aos 12 minutos teve um pênalti marcado a seu favor. Edílson errou a cobrança e o Grêmio sentiu demais o golpe. O Avaí aproveitou o momento e chegou a vitória com dois gols construídos em jogadas bem trabalhadas.

Aproveitamentos dos pênaltis do Grêmio em 2017 é o segundo pior dos últimos anos.

Público do jogo esteve bem perto da média das partidas no Brasileirão nesse mesmo horário.

A ausência de Pedro Rocha prejudica bastante a movimentação do ataque do Grêmio.
2017 gremio 0x2 avai lucas uebel (3)Foto: Lucas Uebel (Grêmio.net)

Grêmio 0x2 Avaí

GRÊMIO: Léo, Edílson (Everton, 29’/2ºT), Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Arthur (Miller Bolaños, 21’/2ºT),Ramiro; Luan e Fernandinho; Lucas Barrios (Lincoln, 39’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

AVAÍ: Douglas Friedrich, Leandro Silva, Alemão, Betão e Capa; Luan (Wellington Simião, 24’/1ºT), Judson, Pedro Castro e Juan (Willians, 32’/2ºT); Romulo (Júnior Dutra, 22’/2ºT) e Joel
Técnico: Claudinei Oliveira

12ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2017
Data: 9/7/2017, domingo, 16h00min
Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre – RS
Público: 29.268 (27.222 pagantes)
Renda: R$ 960.304,00
Árbitro: Wágner Reway (FIFA-MT)
Auxiliares: Fábio Rodrigo Rubinho (MT) e Marcelo Grando (MT)
Cartões amarelos: Luan (GRE); Luan, Joel, Pedro Castro, Wellington Simião, Capa (AVA)
Cartão vermelho: Joel, 41’/2ºT (AVA)
Gols: Wellington Simião aos 28 e Junior Dutra aos 39 minutos do segundo tempo

Primeira Liga 2016 – Avaí 2×2 Grêmio

January 29, 2016

Apesar de não ter feito uma grande atuação, o Grêmio foi melhor que o Avaí e teve de tudo para começar sua participação Primeira Liga com uma vitória. O jogo praticamente começou com um gol tricolor após boa jogada de Pedro Rocha que Edinho apareceu dentro da área (tal como pedido por Roger) para concluir. O placar só voltou a ser movimentado no segundo tempo. Aos 7 minutos William girou bem dentro da área e aproveitou da distância dada por Bressan na marcação para empatar o jogo. Bressan se “redimiu” ao marcar, de cabeça, o 2×1 após falta bem batida por Lincoln. O Grêmio teve duas boas chances de liquidar a partida. Na primeira Pedro Rocha tentou um toque enfeitado e não conseguiu passar pelo goleiro Renan. Depois, aos 38 minutos, Lincoln sofreu pênalti, mas Bobô bateu muito mal, facilitando a vida do arqueiro avaiano. Como castigo para sua displicência, o Grêmio acabou levando o empate aos 42 minutos, numa cabeçada do zagueiro Gabriel.
Não tenho dúvida que o Grêmio foi superior ao adversário, mas não significa que o rendimento da equipe tenha sido bom. Não consigo concordar com o Roger quando ele avalia “a partida como muito boa, segura coletivamente.

Essa questão do pênalti perdido pelo Bobô me preocupa especialmente por lembrar do percentual ruim que o Grêmio teve em conversão de penalidades máxima no ano passado.

O torneio por si só não me empolga, mas a iniciativa dos clubes tomarem frente da organização da suas competições é importantíssima. A Primeira Liga precisa de apoio do público. Mas a organização precisa facilitar a recepção desse apoio. Colocar um jogo as 21h45min de uma quinta-feira, com o ingresso mais barato a 60 reais não é exatamente uma receita garantida para estádio cheio.

Deu pra ver que o time reserva do Grêmio tinha totais condições de vencer o Avaí. Mesmo assim, eu não entendi muito bem o planejamento do tricolor para esses primeiros jogos. O uso de reservas na Primeira Liga é um pouco contraditório com o (acertado) discurso da direção de enfrentar a CBF/FGF e valorizar a competição. Ademais, a primeira fase do Primeira Liga são apenas 3 jogos, onde somente 4 dos 12 participantes classificam para próxima fase. As chances de recuperação são bem menores do que no Gauchão, onde o time joga 13 vezes e 8, de 14 equipes, classificam para a fase seguine.

Fotos: Siri Freitas (Diário Catarinense)

Avaí 2×2 Grêmio

AVAÍ: Renan; Renato, Henrique, Gabriel e Paulinho; João Filipe (Braga, 35’/2º), Caio César  (Lucas Chapecó, 25’/2º), Diego Jardel e Rômulo; Lucas Fernandes (Tauã, 25’/2º) e Willian.
Técnico: Raul Cabral

GRÊMIO:  Marcelo Grohe; Wesley, Thyere, Bressan e Marcelo Hermes; Edinho, Moisés e Ramiro (Fernandinho, 11’/2º) Lincoln; Pedro Rocha (Tilica, 32’/2°), Bobô
Técnico: Roger Machado

1ª Rodada – Grupo B – Primeira Liga 2016
Data: 28/01/2016, Quinta-feira, 21h45min
Local: Arena Condá, em Chapecó – SC
Público: 2.704
Renda: R$ 100.270,00 Árbitro: Erik Giovanni Fernandes (MG)
Auxiliares: Marcyano Pires de Lima e Leandro Salvador Silva (Ambos de MG)
Cartões Amarelos: Bobô, Moisés, Marcelo Hermes); Caio César, Henrique, Paulinho
Gols: Edinho, a 1 minuto d 1º tempo; William, aos 7 minutos ; Bressan, do Grêmio, aos 16 minutos e Gabriel, do Avaí, aos 42 minutos do segundo tempo.

Brasileirão 2015 – Grêmio 3×1 Avaí

September 27, 2015

O Brasileirão é uma competição chata. Não fosse isso suficiente, é também uma competição, por muitas vezes, desonesta. Apesar disso, tem sido muito legal acompanhar as partidas do Grêmio no campeonato, apesar das limitações e oscilações da equipe tricolor. Isso porque o time de Roger apresenta um padrão de jogo, onde claramente se vê que os atletas repetem em campo o que foi treinado durante os treinamentos.
Os dois primeiros gols foram um belo exemplo disso. Aos 12 minutos, Pedro Rocha saiu da ponta esquerda e aproveitou que Edinho, Luan, Giuliano e Galhardo trocavam passes para atravessar o campo e receber a bola no lado direito, aonde fez a assistência para Giuliano abrir o marcador. 11 minutos mais tarde foi possível ver Edinho orientando que Galhardo avançasse para o campo de ataque (infelizmente ainda não encontrei imagens dessa ação na internet). A movimentação do lateral abriu espaço para o volante gremista tabelar com Pedro Rocha, projetando-se a frente para enfiar a bola para Giuliano fazer o 2×0. 
No segundo tempo, o Avaí chegou a descontar com André Lima (para alegria do “futuro Mark Chapman tupiniquim” e pra tristeza de quem não gosta de flauta), mas o Grêmio ampliou com um golaço de Maxi Rodriguez (na sua jogada mais característica) e só não chegou a uma goleada porque seus avantes foram um tanto individualistas nas várias oportunidades que tricolor teve de marcar um quarto gol.

Repito o que já escrevi aqui anteriormente: Se levarmos em conta as peças que Roger tem a sua disposição, Pedro Rocha não pode ser reserva. Nenhum dos outros concorrentes a titularidade é capaz de repetir a mesma movimentação, fazendo com que a equipe gremista tenha intensa  troca de posicionamento entre os seus homens de frente do Grêmio.

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Diego Guichard (Globo Esporte)

Grêmio Grêmio 3×1 Avaí Avaí

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Galhardo, Bressan, Erazo e Marcelo Hermes; Walace, Edinho, Giuliano, Luan (Moisés, 46’/2º) e Pedro Rocha (Everton, 28’/2º); Bobô (Maxi Rodriguez, 13’/2º). 
Técnico: Roger Machado
AVAÍ: Vagner; Nino Paraíba, Antônio Carlos, Emerson e Romário; Claudinei, Eduardo, Rudnei (Anderson Lopes, int), Everton Silva (Roberto, 31/2º) e Renan Oliveira; Léo Gamalho (André Lima, 13’/2º). 
Técnico: Gilson Kleina. 

28ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2015
Data: 26/09/2015, sábado, 21h00min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre – RS
Público: 15.164 (13.251)
Renda: R$ 420.226,00 
Árbitro: Marcelo Aparecido de Souza
Auxiliares: Rogerio Pablos Zanardo e Vicente Romano Neto
Cartões amarelos: Claudinei (AVA), Emerson (AVA), Eduardo Neto (AVA); Edinho (GRE);
Gols: Giuliano, aos 12 minutos e aos 23 minutos do primeiro tempo; André Lima, aos 20 minutos do segundo tempo; Maxi Rodríguez, do Grêmio, aos 30 minutos do segundo tempo;

Brasileirão 2015 – Avaí 1×2 Grêmio

June 29, 2015
Com 37 segundos de jogo, Pedro Rocha pressionou a defesa adversária e, se aproveitando do recuo mal feito pelo zagueiro, arrancou livre em direção a entrada da área, de onde chutou tão logo surgiu a oportunidade. Com a vantagem do 1×0 o esquema com Luan solto como homem de frente passou a funcionar muito bem. Aos 9 minutos, foi o próprio Luan que sofreu e bateu uma falta. O goleiro Renan só conseguiu acompanhar a bola com os olhos e o placar passou a marcar 2×0. No restante do primeiro tempo o principal pecado do Grêmio foi ter deixado de resolver a partida nas várias chances que teve de marcar o terceiro gol.
O Avaí conseguiu reagir na volta do intervalo. Aos 8 minutos o estreante Lucas Ramon fez pênalti em Eltinho. Anderson Aquino cobrou a penalidade na trave, mas Marcelo de Lima Henrique, querendo ser mais realista que o rei, mandou a repetir a cobrança, pela invasão da área de Rhodolfo, que não teve nenhum interferência no rebote. Na segunda tentativa, Anderson Aquino converteu. Mas a reação avaiana acabou não indo muito além disso, apesar de a bola ter ficado rondando a área a gremista até o apito final.

Luan e Walace são os melhores jogadores do Grêmio no campeonato. No sábado, mais uma vez jogaram muito.
Curiosamente, pouco mais de um ano atrás, a direção não considerava  o anúncio antecipado de que Luan perderia seu lugar no time para Rodriguinho e Alan Ruiz como uma “queima” do jogador. Hoje, a mesma diretoria pede que Luan seja convocado para a seleção. Essa mudança de conceito pode ser difícil de entender, mas deve ser saudada.
Marcelo Hermes teve uma atuação segura, se destacando nos desarmes com carrinhos. Uma evolução significativa do futebol que tinha apresentado no Gauchão.

E Segundo o Who Scored, o Grêmio usou mais o seu lado esquerdo para atacar o Avaí, diferente do que vinha fazendo nos últimos jogos

Pra enfrentar um time de azul e branco, uma camisa toda preta teria bem mais serventia.
Quando a gente acha que todas as páginas do folclore do futebol já foram escritas, um sujeito vai lá e atira UMA FRALDA pra dentro do gramado.

Fotos: Charles Guerra (Zero Hora) e  Jamira Furlani (Avaí F. C.)

Avaí  Avaí 1×2 Grêmio Grêmio

AVAÍ: Wagner; Jéci (Pablo, 21’/1ºT), Emerson e Antônio Carlos; Nino Paraíba, Renan, Adriano (Romulo, 30’/2ºT), Denner (Juninho, 19’/2ºT) e Eltinho; André Lima e Anderson Lopes
 TÉCNICO: Gilson Kleina
GRÊMIO: Tiago; Lucas Ramon, Pedro Geromel, Rhodolfo e Marcelo Hermes; Walace, Maicon (Felipe Bastos, 37’/1ºT), Giuliano, Douglas (Braian Rodríguez, 31/2ºT) e Pedro Rocha (Yuri Mamute, 11’/2ºT); Luan
TÉCNICO: Roger Machado.
09ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2015
Data: 27/06/2015, sábado, 16h00min
Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC) – 27/06/2015, 16h
Público:  11.221
Renda: R$ 305.930,00
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Bruno Boschilia (FIFA/PR) e Clovis Amaral da Silva (PE)
Cartões amarelos: Anderson Lopes (AVA); Tiago, Lucas Ramon e Yuri Mamute (GRE)
Gols: Pedro Rocha, aos 37 segundos; e Luan (G), a 9 minutos do primeiro tempo. Anderson Lopes (de pênalti) aos 10 minutos do segundo tempo