Archive for the ‘Bragantino’ Category

Brasileirão 2020 – Grêmio 2×1 Bragantino

November 3, 2020

Grêmio não jogou bem, mas venceu.

Não entendo a insistência de Renato em escalar Robinho como titular, especialmente nesse posicionamento por dentro. No Cruzeiro, na campanha dos dois títulos que da Copa do Brasil  ele só jogou uma vez centralizado (contra o Grêmio no Mineirão), nas demais partidas ele sempre atuou mais pelo lado do campo.

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net)

Grêmio 2×1 Bragantino

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, Rodrigues, David Braz e Diogo Barbosa; Maicon (Lucas Silva, 15/2ºT) e Matheus Henrique; Luiz Fernando (Ferreira, 15/2ºT), Robinho (Isaque, intervalo) e Pepê (Cortez, 37/2ºT); Diego Souza (Diego Churín, 22/2ºT).
Técnico: Renato Portaluppi

BRAGANTINO: Cleiton; Aderlan (Chrigor, 22/2ºT), Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Raul e Evangelista; Artur (Morato, 39/2T), Claudinho (Thonny Anderson, 39/2ºT) e Cuello (Ricardo Ryller, 22/2ºT); Ytalo (Hurtado, 22/2ºT)
Técnico: Maurício Barbieri

19ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2020
Data: 02 de novembro de 2020, segunda-feira, 20h00min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre-RS
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e José Reinaldo Nascimento Júnior (DF)
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)
Cartões amarelos: Lucas Silva (Grêmio); Claudinho (Red Bull Bragantino)
Gol: David Braz, aos 23 minutos do 2º tempo e Orejuela, aos 26 do 2ºT; Hurtado, aos 32 minutos do 2º tempo

Brasileirão 1994 – Grêmio 2×1 Bragantino

November 1, 2020

 

Na última rodada da primeira fase do Brasileirão de 1994, o Grêmio conseguiu sua primeira vitória sobre o Bragantino (foram 4 empates e 1 derrota nos jogos anteriores).

O centroavante Silvio (que viria a ser contratado pelo tricolor no início de 1996) abriu o placar para os visitantes, mas Agnaldo e Carlinhos marcaram os gols da virada gremista.

Com o resultado o Grêmio encerrou a primeira fase na terceira posição do grupo A, enquanto o Bragantino ficou em último lugar. Contudo, essa situação acabou sendo estranhamente mais vantajosa para os paulistas, uma vez que eles foram para a repescagem, onde 2 das 8 equipes avançavam para as quartas-de-final, enquanto o tricolor teve que disputar as restantes 6 vagas com as 16 melhores equipes da competição

 

 

 

GRÊMIO VENCE POR 2 A 1 E CAI O TABU
Time derrotou o Bragantino pela primeira vez. Time paulista chegou a largar na frente, mas não resistiu

O Grêmio chegou a levar um susto, mas teve força e serenidade para chegar aos 2 a 1 sobre o Bragantino, ontem, no Olímpico. Obtido numa tarde chuvosa, o resultado também serviu para que fosse quebrado um velho tabu. Até ontem, o Grêmio jamais havia vencido o Bragantino.

Como sempre, a falta de conclusões pelo meio foi o principal problema do Grêmio. Luís Felipe chegou a trocar Carlinhos e Fabinho de posição, fixando este pelo meio. A manobra, porém, não deu resultado, porque a zaga adversária sempre levava vantagem.

O Bragantino saiu na frente. Aos 15 minutos do segundo tempo, Silvio dominou no peito e cobriu Danrlei, fazendo 1 a O. O empate só surgiria aos 37 minutos, quando Ciro e Leônidas já haviam entrado para dar mais força ofensiva ao time. Carlos Miguel sofreu pênalti que Agnaldo cobrou com perfeição, fazendo 1 a 1. Aos 43. Carlinhos apanhou um rebote dentro da área e chutou no ângulo, decretando a vitória. O Bragantino, que só tinha dez homens. dada a expulsão de Ronaldo Alfredo, não teve como reagir.

 

 

👍

A calma do Grêmio foi o fato positivo. Depois de duas derrotas, o time desta vez reagiu na hora certa.

 

 

👎

A pouca paciência da torcida do Grêmio foi o fato negativo. Desta vez, não houve razão para vais

 

 

Agnaldo

Mesmo no tempo de Paulão, o zagueiro Agnaldo costumava se destacar. Agora, com o novato Luciano, ele virou o patrão da área. Mesmo sem grande estatura, invariavelmente ganha as bolas altas. E é muito preciso pelo chão. Agnaldo é, sem dúvida, um ótimo zagueiro.”

 

Mais Faltosos
Jamir (Grêmio) 5
Da Guia e Maurinho (Bra) 4

Mais Desarmes
Agnaldo (Grêmio) 5
Maurinho (Bragantino) 5

 

Agnaldo, o melhor jogador em campo
Danrlei — Sem culpa no gol. Rebateu mal uma bola 6
Ayupe — Mais tranqüilo. Uma bela cobrança de falta. 6
Luciano — Discreto. Procura não enfeitar 7
Agnaldo — Excelente. Muita raça e técnica. Fez um gol. 9
Roger — Estava bem no jogo. Saiu por opção tática. 7
Pingo — Tem ficado mais atrás, combatendo. É líder. 7
Jamir — Continua errando passes. Mas combate bem. 6
Arilson — Não conseguiu realizar a jogada pela esquerda. 5
C. Miguel — Criou as principais Jogadas do time. 8
Fabinho — Esteve na ponta e no meio. Valente 7
Carlinhos — Fez um golaço, mas foi apenas regular. 6
Leônidas — Teve pouco tempo. Nada acrescentou. 5
Ciro — Boa presença na área apesar de fora de forma 6″ (Correio do Povo, 26 de setembro de 1994)

 

 (Correio do Povo, 26 de setembro de 1994)
GRÊMIO BRAGA
Conclusões 14 6
Cruzamentos 11 1
Escanteios 10 0
Faltas 19 18
Impedimentos 5 5
Lançamentos 15 9
Desarmes 18 15

 

“O JOGO: O Grêmio, depois de um mau primeiro tempo e do susto no gol de Silvio no segundo, melhorou e virou o jogo. A vitória acabou com o tabu de nunca ter vencido o Bragantino.” (Tabelão Placar, 1994)

 

 

GRÊMIO DERROTA O BRAGANTINO POR 2 A 1 DE VIRADA EM PORTO ALEGRE
O Grêmio ganhou por 2 a 1 do Bragantino, ontem no estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS), e também garantiu sua vaga no “grupo de elite” do Brasileiro.
O time gaúcho, que começou perdendo, obteve a vitória no último minuto da partida.
Aos 15min, Sílvio abriu o marcador para o Bragantino. Com a desvantagem, os jogadores gremistas passaram a criar mais situações de gol. Mas o empate só aconteceu aos 36min após Agnaldo cobrar pênalti.
O time gremista pressionou muito até que Carlinhos, aos 44min, conseguiu desempatar.
Foi a primeira vitória do Grêmio no segundo turno do Campeonato Brasileiro.
O técnico Luiz Felipe disse no final da partida que a torcida atribui ao Grêmio, às vezes, uma qualidade que o time não tem.” (Folha de São Paulo, segunda-feira, 26 de setembro de 1994)

 

 

GRÊMIO BATE BRAGA DE VIRADA
Porto Alegre- O Grêmio reabilitou-se diante de sua torcida e terminou com a série de cinco partidas sem vencer. Também ficou empolgado para o decisivo jogo de quinta-feira com o Racing, na Argentina, pela Supercopa. Tudo graças à vitória de 2 a 1 contra o Bragantino, ontem à tarde, na última rodada da fase inicial do Brasileiro. “Este resultado dá tranqüilidade, personalidade ao grupo e representa o estímulo necessário para o importante compromisso pela Supercopa”, definiu o técnico do Grêmio, Luiz Felipe. Pelo campeonato nacional, o Grêmio participa da 1ª rodada no sábado (o adversário será conhecido amanhã).
O Bragantino marcou primeiro aos 15min do 2″ tempo, através de Silvio. Aos 35min, Agnaldo empatou cobrando pênalti sofrido por Carlos Miguel. No penúltimo minuto, Carlinhos completou um cruzamento de Leônidas e virou o placar: 2 a 1″ (Pioneiro, segunda-feira, 26 de setembro de 1994)

DUPLA GRE-NAL PASSA PARA A SEGUNDA FASE
O Grêmio ganhou por 2 a 1 do Bragantino, ontem, no estádio Olímpico, garantindo a vaga no “grupo de elite” da próxima fase do Campeonato Brasileiro. O time gaúcho, do técnico Luiz Felipe, saiu perdendo e obteve a vitória no último minuto da partida.
Os fatos importantes do jogo aconteceram no segundo tempo. Sílvio fez 1 a 0 para o Bragantino aos 15min. Com a desvantagem, os jogadores gremistas passaram a criar mais situações de gol. Mas o empate só aconteceu aos 36min, por Agnaldo, que cobrou pênalti de Ferreira em Carlos Miguel. O técnico Luiz Felipe colocou em campo Ciro e Leônidas em substituição, respectivamente, a Arilson e Roger.
O Grêmio, que chegou a ser vaiado por sua torcida, foi beneficiado com a expulsão de Ronaldo Alfredo. O técnico do Bragantino, Cilinho, tentou modificar a atuação de seu time com a entrada de Ludo no lugar de João Santos. O time gremista pressionou muito até que Carlinhos, aos 44min, conseguiu desempatar, e João Santos. O time gremista pressionou muito até que Carlinhos, aos 44min, conseguiu desempatar, na sua primeira vitória no segundo turno do Campeonato Brasileiro. A equipe terminou a primeira fase com 12 pontos, em terceiro lugar no grupo A.” (Folha de Hoje, segunda-feira, 26 de setembro de 1994)

 

Grêmio 2×1 Bragantino

GRÊMIO: Danrlei; Ayupe, Luciano, Agnaldo Liz e Roger (Leônidas, 35 do 2ºT); Pingo, Jamir, Arilson (Ciro 35 do 2ºT) e Carlos Miguel; Fabinho e Carlinhos
Técnico: Luís Felipe Scolari

BRAGANTINO: Marcelo; Ferreira, Júnior, Rémerson e Da Guia; Mauro, Alberto, Edilson e Ronaldo Alfredo; João Santos (Ludo 20 do 2ºT) e Sílvio
Técnico: Cilinho

Brasileirão 1994 – 1ª Fase – Grupo A – 10ª Rodada
Data: 25 de setembro de 1994, domingo
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre, RS
Público: 3.837 pagantes
Renda: R$ 21.210,00
Juiz: Ivo Tadeu Scatola (PR)
Auxiliares: Fernando Homann e José Carlos Menger
Cartões amarelos: Arilson, Pingo, Alberto, Ronaldo Alfredo e Junior
Cartão vermelho: Ronaldo Alfredo (18 do 2º tempo)
Gols: Silvio aos 15 minutos; Agnaldo (de pênalti) aos 36min e Carlinhos aos 44 minutos do segundo tempo