Archive for the ‘Chapecoense’ Category

Brasileirão 2017 – Chapecoense 3×6 Grêmio

June 9, 2017

2016 chapecoense 3x6 gremio uebel (4)

Apesar de algumas falhas defensivas (como o frango de Grohe no gol de Luís Antônio e Arthur Kayke ter subido livre com Thyere e Edilson obervando no terceiro gol dos mandantes) o Grêmio voltou a ter muito volume de jogo e ganhou por 6×3. Michel, que vem jogando muito bem, marcou os dois primeiros gols. Luan deu uma série de assistências e ainda fez o seu gol e Everton fez gols em praticamente todos os lances que participou.

2016 Chapecoense 3x6 Gremio Sirli Freitas (1)

Vagner Mancini disse que a Chapecoense teve o dobro de finalizações que o Grêmio. Esqueceu de mencionar que 56% das conclusões da Chape foram de foram da área, contra apenas 20% do Grêmio). Não foi a toa que o tricolor foi bem mais eficiente nas finalizações.

Achei interessante que o Everton tenha entrado para jogar de centroavante. O aproveitamento dele nas finalizações foi assombroso.

Michel foi sincero ao dizer que não teve a intenção de chutar a gol no lance que abriu o marcador. Não lembro de outro gol do Grêmio de tão longe, seja o chute proposital ou não.
2016 chapecoense 3x6 gremio uebel (3)
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Sirli Freitas (Chapecoense)

Chapecoense 3×6 Grêmio

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Victor Ramos, Luiz Otávio e Reinaldo; Andrei Girotto, Luiz Antônio (Osman, aos 28’2ºT) e Seijas (Túlio de Mello, aos 19’2ºT); Rossi, Arthur Caike (44’2Tº) e Welllington Paulista (Nadson, aos 19’2ºT).
Técnico: Vagner Mancini

GREMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura (Edílson, aos 38’2ºT), Rafael Thyere, Kannemann e Cortez; Michel e Arthur; Ramiro, Luan e Pedro Rocha (Maicon, aos 32’2ºT), Lucas Barrios (Everton, aos 13’2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

05ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2017
Data: 08/06/2017, quinta-feira, 20h00min
Local: Arena Condá, em Chapecó – SC
Público: 14.403
Renda: R$639.175,00
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Auxiliares: Bruno Boschilia (PR) e Victor Hugo dos Santos (PR)
Cartões amarelos: Wellington Paulista, Apodi, Andrei Girotto, Kannemann, Bruno Cortez
Gols: Michel, aos 20 e 26 minutos e Luís Antônio aos 33 minutos do primeiro tempo. Everton, aos 14 e aos 15 minutos, Reinaldo (de pênalti), aos 27, Everton aos 35, Arthur Kayke aos 44 e Luan aos 46 minutos do segundo

Brasileirão 2016 – Grêmio 1×0 Chapecoense

September 26, 2016

29812477462_8624e1fd85_k

Depois de um bom tempo o Grêmio voltou a vencer no Brasileirão.  O único gol da partida saiu cedo, com Pedro Rocha concluindo uma boa jogada iniciada por Walace na ponta esquerda. Depois disso o tricolor administrou, com certa cautela, a sua vantagem até o apito final.

Na comparação com a equipe de Roger, já deu para notar que com Renato o Grêmio passa a ter um time que trabalha menos a bola, mas também corre menos riscos defensivos durante a partida.

Já é possível notar também uma mudança significativa no posicionamento do Douglas, que vem atuando bem mais recuado.

O Grêmio usou três modelos diferentes de meias pretas em um intervalo de 10 dias.

O público mais uma vez ficou abaixo da média do time no ano e no Brasileirão 2016.

29636979290_110b8b4dbf_h
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Cleberson Silva (Chapecoense)

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Ramiro, Geromel, Wallace Reis e Marcelo Oliveira; Walace, Jailson, Pedro Rocha (Rafel Thyere, 39’/2ºT), Douglas (Ty Sandows, 44’/2ºT) e Luan; Henrique Almeida (Guilherme, 20’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez, Rafael Lima, William Thiego e Dener; Josimar, Matheus Biteco e Cleber Santana; Arthur Maia (Ailton Canela, Intervalo) e Lourency (Bruno Rangel, 30’/2ºT); Kempes (Alan Ruschel, 39’/2ºT)
Técnico: Caio Junior

27ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2016
Data: 25/9/2016, domingo, 16h00min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre – RS
Público: 13.079 (11.152 pagantes)
Renda: R$ 319.000,00
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (FIFA-PA)
Auxiliares: Márcio Gleidson Correia Dias (PA) e Hélcio Araújo Neves (PA)
Cartões amarelos: Walace e Marcelo Grohe (GRE); Danilo e Josimar (CHA)
Gol: Pedro Rocha aos 10 minutos do primeiro tempo.

Brasileirão 2016 – Chapecoense 3×3 Grêmio

June 16, 2016

giuliano

O Grêmio fez um jogo estranho em Chapecó. Foi bem na parte ofensiva e mal na parte defensiva. Fez um gol cedo, mas levou uma virada em menos de 25 minutos. Conseguiu empatar ainda no primeiro tempo, mas levou o terceiro aos 32 minutos da segunda etapa, em mais um lance de bola área, em mais uma cabeçada de Thiego. Menos mal que cinco minutos depois o estreante Negueba fez boa jogada pela ponta direita e Giuliano apareceu na área para estabelecer o 3×3 final.

O aproveitamento do Grêmio até aqui é muito bom, especialmente se considerarmos que a quantidade de jogos fora de casa. Contudo a quantidade de gols sofridos como visitante, especialmente em lances de bola área, não é aceitável para quem busca o título.

jailson

O Grêmio é o único time do G4 que jogou somente 3 das 8 primeiras rodadas em casa.

Jailson errou no lance do pênalti em Silvinho, mas fez uma partida bem interessante.

No primeiro tempo ocorreram 2 lances em que os jogadores do Grêmio pediram pênalti. Não teve replay de nenhum deles.

douglas

Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net)

Chapecoense 3×3 Grêmio

CHAPECOENSE: Danilo; Gimenez, Marcelo, Thiego e Lucas Mineiro (Sérgio Manoel); Josimar, Cléber Santana, Hyoran (Arthur Maia); Lucas Gomes, Silvinho e Bruno Rangel. Técnico: Guto Ferreira

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Wallace Reis e Marcelo Hermes; Walace, Jaílson (Bobô), Douglas, Giuliano (Kaio) e Éverton (Negueba); Luan.
Técnico: Roger Machado

08ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2016
Data: 15/06/2016, quarta-feira, 19h30min
Local: Arena Condá, em Chapecó – SC
Público: 13.154 pessoas
Renda: R$ 446.485,00
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Alex Ang Ribeiro
Cartões amarelos: Lucas Gomes (CHA), Marcelo (CHA); Jaílson (GRE), Edílson (GRE);
Gols: Pedro Geromel, aos 3 minutos do primeiro tempo; Willian Thiego,  aos 18 minutos do primeiro tempo; Bruno Rangel (de pênalti), aos 25 minutos do primeiro tempo; Jaílson, aos 42 minutos do primeiro tempo; Willian Thiego, aos 32 minutos do segundo tempo; Giuliano,  aos 37 do segundo tempo;

Brasileirão 2015 – Grêmio 2×3 Chapecoense

October 19, 2015

Fotos: Chapecoense e Grêmio.net (Lucas Uebel)

Grêmio 2×3 Chapecoense

GRÊMIO: Bruno Grassi; Galhardo, Geromel, Erazo e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon (Braian Rodríguez, 33’/2º), Douglas, Giuliano e Luan (Yuri Mamute, 29’/2º); Bobô (Pedro Rocha, 19’/2º). Técnico: Roger Machado

CHAPECOENSE: Silvio (Nivaldo, 39’/1º); Apodi, Vilson, Willliam Thiego e Dener; Elicarlos (Gil, int), Cleber Santana e Camilo (Wanderson, 36’/2º); William Barbio, Túlio de Melo e Maranhão. Técnico: Guto Ferreira

31ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2015
Data: 18 de outubro de 2015, domingo, 17h00min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Público: 21.900 (19.925 pagantes)
Renda: R$ 614.536,00
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (FIFA-SP)
Assistentes: Rogério Pablos Zanardo (Asp. FIFA-SP) e Miguel Ribeiro da Costa (SP)
Cartões amarelos: Geromel e Erazo (Grêmio); Cléber Santana e Apodi (Chapecoense)
Cartões vermelhos: Vilson (Chapecoense)
Gols: Douglas, aos 4, e Bobô, aos 34 minutos do primeiro tempo; Túlio de Melo, de pênalti, aos 11, e aos 32, e Apodi, aos 50

Brasileirão 2015 – Chapecoense 1×0 Grêmio

July 9, 2015

Era sabido que a sequência de vitórias do Grêmio no Brasileirão não seria infinita. O time teve uma queda de rendimento e acabou sendo derrotado em Chapecó, o que pelas circunstâncias não é nenhum desastre.
No primeiro tempo o tricolor não teve o mesmo controle das ações que apresentou em atuações anteriores. A Chapecoense teve mais iniciativa, mas o Grêmio conseguia fazer um enfrentamento parelho. O time da casa quase marcou numa conclusão de carrinho de Camilo, enquanto Pedro Rocha e Marcelo Oliveira acertaram a trave no mesmo ataque.
Na etapa final a presença ofensiva gremista diminuiu consideravelmente e a Chapecoense passou a ficar mais com  a bola. Os mandantes quase saíram na frente aos oito minutos, num bate rebate entre Geromel e Grohe. Mas aos 32, a Chapecoense marcou o 1×0, numa falta em que Bruno Rangel ficou livre dentro da área e nem precisou pular para cabecear sem chances para o arqueiro tricolor.

Roger fez muito bem em salientar os méritos do adversário, apontando para a descida rápida pelo lado direito de ataque. Apenas discordo dele quando afirma que “a gente conseguiu fazer muito do nosso jogo“. Dessa vez eu não vi a mesma velocidade na movimentação ofensiva e foi possível perceber um espaçamento entre as linhas de marcação. E creio que a ausência de Walace se fez sentir pela falta de chegada dos volantes na frente.

Apodi incomodou a defesa do Grêmio com a mesma correria que fez com a camisa do Vitória no Barradão em 2009.

Não consigo entender o porque das mudanças, mas o Grêmio voltou a usar a meia preta com uma listra azul.
Muito mal explicada a ausência do Rhodolfo desse jogo. Afinal, ele está ou não sendo negociado? Qual o motivo de ele não ter sido relacionado?
Tendo em vista a insistência na jogada, imagino que a cobrança rasteira de escanteio pelo Douglas tenha sido algo planejado. O curioso é que isso se tornou um dos motivos do bate boca  no twiter entre o jogador e alguns torcedores.

Fotos: Fran Constante (Chapecoense)

Chapecoense Chapecoense 1×0 Grêmio  Grêmio

CHAPECOENSE: Danilo; Apodi, Rafael Lima, Neto e Dener; Elicarlos, Bruno Silva, Cleber Santana, Camilo (Maranhão, 23’/2ºT) e Hyoran (Tiago Luís, 23’/2ºT); Bruno Rangel (Wanderson, 42’/2ºT)
Técnico: Vinícius Etrópio
GRÊMIO: Marcelo Grohe; Galhardo, Geromel, Erazo e Marcelo Oliveira; Edinho (Braian Rodríguez, 35’/2ºT), Maicon, Giuliano e Douglas; Luan (Yuri Mamute, 29’/2ºT) e Pedro Rocha (Fernandinho, 34’/2ºT)
Técnico: Roger Machado.
12ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2015
Data: 8/7/2015, quarta–feira,  19h30min
Local: Arena Condá, em Chapecó – SC
Público: 13.916
Renda:R$ 466.180,00 
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP)
Auxiliares: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP)
Cartões amarelos: Wanderson ; Pedro Rocha  e Braian Rodriguez
Gol: Bruno Rangel, aos 32 minutos do 2º tempo