Archive for the ‘Fonte Nova’ Category

Copa do Brasil 2019 – Bahia 0x1 Grêmio

July 18, 2019

48311050707_fa274791a5_k

Renato demonstração convicção (palavra que poderia facilmente ser substituída por “teimosia” em caso de derrota) e repetiu a escalação do jogo de ida. Mas dessa vez o time teve um desempenho bem superior ao da semana passada. Não foi uma atuação avassaladora, mas sim bastante segura. A equipe controlou a posse de bola (e por consequência o jogo) no primeiro tempo e aproveitou os contra-ataques na etapa final. Em um deles, aos 19 minutos, Alisson recebeu bom passe de Matheus Henrique, passou por dois marcadores e chutou de pé esquerdo para fazer o gol da classificação.

48311050437_21a23bbab6_kGremio x BahiaFotos: Felipe Oliveira (EC Bahia) e Lucas Uebel (Grêmio FBPA)

Bahia 0x1 Grêmio

BAHIA: Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Elton (Shaylon, 23’/2º), Gregore; Elber (Arthur Caíke, 11/2ºT), Ramires (Fernandão ,36/2ºT) e Artur; Gilberto
Técnico: Roger Machado

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez; Matheus Henrique, Maicon (Rômulo, 34/2ºT); Alisson (Pepê, 36/2ºT), Jean Pyerre (Luan, 17/2ºT) e Everton; André
Técnico: Renato Portaluppi

Copa do Brasil 2019 – Quartas de final – jogo de volta
Data: 17 de julho de 2019, às 19h15min
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador – BA
Público: 46.663 (46.341 pagantes)
Renda: R$1.349.590,50
Árbitro: Braulio da Silva Machado (SC)
VAR: Bruno Arleu de Araújo (RJ)
Auxiliares: Kleber Lucio Gil (SC) e Bruno Raphael Pires (GO)
Cartões amarelos: Elton, Gilberto, Fernandão, Gregore ; Kannemann, Maicon, Everton, Matheus Henrique
Cartão vermelho: Moisés (27 do 2ºT)
Gol: Alisson, aos 19 minutos do segundo tempo

Brasileirão 1989 – Bahia 3×2 Grêmio

June 1, 2019
cp

Foto: Correio do Povo

No Brasileirão de 1989, o Grêmio não teve um início muito promissor. Após ser derrotado na estreia pelo Coritiba, o tricolor enfrentaria o Bahia na Fonte Nova pela segunda rodada.

O Grêmio entrou em campo com uma equipe bastante modificada em relação ao time que superou o mesmo Bahia nas quartas de final da Copa do Brasil, pouco mais de um mês antes e acabou sendo derrotado por 3×2.

GRÊMIO PERDE E AGORA É LANTERNA
Com apenas três titulares e errando demais no setor defensivo, o Grêmio não conseguiu resistir ao entusiasmado time do Bahia e acabou perdendo por 3 a 2, num jogo com final emocionante, ontem à tarde, na Fonte Nova. Assim, oito dias após conquistar a Copa Brasil, o Grêmio já foi derrotado duas vezes no campeonato brasileiro e agora ocupa a incômoda posição de lanterna da competição.

O Bahia largou na frente aos 38 minutos. Duda investiu pela esquerda e cruzou para Dico, que concluiu de primeira, sem chances para Gomes. Um pouco antes, Duda, que substitui Zé Carlos no campeão brasileiro, havia acertado um arremate na trave. O Grêmio tentou reagir, mas estava sem opções boas na frente, onde Nando era neutralizado pela zaga baiana. Ao mesmo tempo, o meio-campo parecia perdido, sem a menor criatividade, enquanto a defesa mostrava-se confusa.

No segundo tempo, o jogo cresceu em emoção. Aos 10 minutos, Jandir cobrou falta, chutando forte no meio da barreira e empatando a partida. O Grêmio recuou para o seu campo. O Bahia avançou e aos 22 minutos marcou o segundo gol. Mailson cruzou para Charles, que dominou e concluiu com categoria. Aos 35 minutos, a zaga do Bahia falhou e Cuca se aproveitou para empatar mais uma vez. A torcida baiana se recuperou do susto dois minutos após, com Charles escorando de cabeça para fazer 3 a 2.

Depois do jogo, o treinador Cláudio Duarte tratou de minimizar a importância do segundo resultado negativo em menos de uma semana. Contrariou a observação de que o Grêmio está mal no ataque, argumentando que o time marcou três gols em dois jogos. Paralelamente, deixou claro que está insatisfeito com o rendimento da defesa, embora afirmasse que esse é um assunto que será tratado internamente. No mesmo ritmo, parecendo despreocupado com a derrota, Rafael Bandeira dos Santos considerou normal o resultado, já que o time estava desfalcado de vários titulares.” (Correio do Povo, segunda-feira, 11 de setembro de 1989)

Salvador — Charles voltou a jogar bem, marcando dois gols e saindo de campo como craque da partida, e o Bahia venceu o Grêmio por 3 a 2, ontem, na Fonte Nova, pelo Grupo B do Campeonato Brasileiro, recuperando-se da derrota para o Fluminense, na estréia, por 1 a 0. A torcida, que em nenhum momento deixou de incentivar a equipe, saudou a grande exibição de Charles com muitos aplausos. ” (Jornal dos Sports, segunda-feira, 11 de setembro de 1989)

Bahia 3×2 Grêmio

BAHIA: Ronaldo; Mailson, João Marcelo, Claudir e Paulo Robson; Paulo Rodrigues, Marcelo Jorge e Duda (Ronaldo); Osmar, Charles (Vagner Basílio) e Dico.
Técnico: Evaristo de Macedo

GRÊMIO: Gomes; Jorge Antonio (Almir), Trasante, Vilson e Fábio Lima; Jandir, Lino, Darci e Cuca;  Adilson Heleno e Nando
Técnico: Cláudio Duarte

Data: 10 de setembro de 1989, domingo
Local: Estádio Fonte Nova, em Salvador-BA
Público: 6.902 pagantes
Renda: NCz$ 74.959,00
Árbitro: Jerônimo Alves
Cartões amarelos: Charles, Ronaldo, Jorge Antonio e Trasante
Gols: Dico, aos 38 minutos do primeiro tempo; Jandir aos 10 minutos, Charles aos 22, Cuca aos 35 e Charles aos 35 minutos do segundo tempo

Brasileirão 2018 – Bahia 0x2 Grêmio

June 4, 2018

28669838318_29d645fd23_o

E o Grêmio voltou a ganhar no Brasileirão. O curioso é que a vitória venho logo depois de Renato dizer que não teria “que mudar o estilo de jogar”. E seja por plano anterior ou por circunstância de jogo, o Grêmio alterou sua maneira de atuar. Marcando um gol antes dos 10 minutos (com Maicon pegando o rebote da própria cobrança de pênalti) o Grêmio tratou de “esperar” o Bahia, trocando menos passes e deixando a posse de bola para o adversário.  E essa “nova” maneira de atuar trouxe resultado. A defesa gremista suportou bem o ímpeto ofensivo do Bahia (que é demasiadamente dependente de Zé Rafael) e os três pontos foram assegurados com um segundo gol, de Thaciano, já nos acréscimos.

Everton está jogando muito. O pique que ele deu, passando por dois adversários AOS 49 MINUTOS DO SEGUNDO TEMPO foi digno de nota.

A campanha do Grêmio no Brasileirão é meio sui generis: Três das quatro vitórias foram obtidas fora de casa.
Gremio x BahiaGremio x BahiaGremio x Bahia

Pelos dados do do @SofaScore esse jogo contra o Bahia foi o que o Grêmio teve menor posse de bola, o que  menos tentou e menos acertou passes até aqui no Brasileirão. Já segundo os dados do Footstats o Grêmio teve um percentual menor de posse de bola contra o Botafogo.

passes

40739835350_58c0e0f1ca_o
Fotos: Felipe Oliveira (EC Bahia) e Lucas Uebel (Grêmio.net)

Bahia 0x2 Grêmio

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Elton, Edson (Flávio, 26’/2º), Régis e Allione (Vinícius, 17’/2º); Zé Rafael e Júnior Brumado (Fernandinho, 25’/2)
Técnico: Guto Ferreira

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Leonardo, Bressan, Kannemann e Cortez; Jailson e Maicon; Ramiro (Lima, int), Thonny Anderson (Pepê, 31’/2º) e Everton; André (Thaciano, 14’/2º)
Técnico: Renato Portaluppi

09ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2018
Data: 03/6/2018, domingo, 16h00min
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador – BA
Público: 15.623 pagantes
Renda: R$ 285.457,50
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)
Auxiliares: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Cleberson Nascimento Leite (PE)
Cartões amarelos: Douglas, Zé Rafael , Bressan, Cortez, Jailson, Maicon, Everton
Gols: Maicon (de pênalti) aos 9 minutos do 1º tempo; Thaciano aos 47 minutos do 2º tempo

Brasileirão 2016 – Vitória 0x1 Grêmio

October 17, 2016

30067082471_a5cecdb0f7_k

O Grêmio suportou como pôde a pressão inicial do Vitória. Aos poucos foi ficando mais confortável em campo e criou chances em contra-ataques. Mas o 1×0 só foi sair em um lance de bola parada no segundo tempo, que Douglas cruzou para área e Jaílson deu um leve desvio para mandar a bola pro fundo do gol.
henrique-almeida
Fotos: Francisco Galvão (EC Vitória)

Vitória 0x1 Grêmio

VITÓRIA: Fernando Miguel; Diogo Mateus, Ramon, Kanu e Diego Renan; Willian Farias (Euller, 33’/2ºT), Marcelo e Tiago Real (Serginho, 12’/2ºT); Marinho (Vander, 38’/1ºT), Kieza e Zé Love
Técnico: Argel Fucks

GRÊMIO: Marcelo Grohe (Bruno Grassi, Intervalo); Edílson, Pedro Geromel, Kannemann e Iago; Walace, Jailson, Ramiro, Pedro Rocha (Wallace Reis, 43’/2ºT) e Douglas; Henrique Almeida (Everton, 27’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

29ª Rodada – Campeonato Brasileiro 2016
Data: 5/10/2016, quarta–feira, 19h30min
Local: Arena Fonte Nova, Salvador – BA
Público: 19.652 pagantes
Renda: R$ 447.297,50
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Auxiliares: Luiz Antônio Barbosa (MG) e Marconi Helbert Vieira (MG)
Cartões amarelos: Vander, Kanu e Willian Farias; Iago, Kannemann e Pedro Rocha
Gol: Jailson, aos 8 minutos do 2º tempo