Archive for the ‘Libertadores 2018’ Category

Libertadores 2018 – Grêmio 5×0 Cerro Porteño

May 2, 2018

40029720710_bcae6c56c4_k2018 everton gremio 5x0 cerro porteno wesley santos globo esporte

O placar de 5×0 foi bem condizente com que aconteceu na Arena ontem. O confronto entre Grêmio e Cerro Porteño só foi “igual” nos seus primeiros 25 minutos. Depois disso o tricolor controlou a partida sem diminuir o ritmo e seu ímpeto ofensivo.

Gremio x Cerro PortenhoGremio x Cerro Portenho

Eu entendo todo o entusiasmo com esse time, mas não tenho certeza se é muito saudável levantar esse debate sobre “melhor Grêmio da história” enquanto o grupo atual  ainda tem compromissos pela frente e objetivos a buscar.

A equipe toda foi muito bem ontem, mas na atual temporada ninguém está jogando mais do que o Everton.

O time finalmente usou a meia branca nova.

Média de público do Grêmio na Arena em 2018:
23307 (21.111 pagantes)

Média do Grêmio na Libertadores 2018:
32.962 (30.712 pagantes)

Gremio x Cerro Portenho
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Wesley Santos (Globo Esporte)

Grêmio 5×0 Cerro Porteño

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon (Cícero, 29’/2ºT), Arthur, Ramiro (Alisson, 35’/2ºT), Luan e Everton; Jael (Thonny Anderson, 22’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

CERRO PORTEÑO: Antony Silva; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres, Escobar e Arzamendia; Palau(Acosta, 6’/2ºT), Rodrigo Rojas, Novick (Valdez, 15’/2ºT), Jorge Rojas (Aguilar, 29’/2ºT) e Candia; Churín
Técnico: Luis Zubeldía

Libertadores 2018 – Grupo 1 – 4ª Rodada
Data: 01/5/2018, terça–feira, 19h15min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre – RS
Público: 44.673 (42.076 pagantes)
Renda: R$ 2.336.311,00
Árbitro: Patricio Lostau (ARG)
Auxiliares: Ezequiel Brailovsky (ARG) Maximiliano Del Yesso (ARG)
Cartões amarelos: Marcos Cáceres ePalau
Gols: Everton, aos 28 minutos; Ramiro, aos 31 minutos do primeiro tempo. Jael, aos 4 minutos; Everton, aos 27 e Cícero, aos 37 minutos do segundo tempo

Advertisements

Libertadores 2018 – Cerro Porteño 0x0 Grêmio

April 18, 2018

Cerro Porteno v Gremio - Copa CONMEBOL Libertadores 20182018 cerro 1x1 gremio beto azambuja Globo Esporte

O empate, apesar de manter o Grêmio na segunda colocação do grupo, não foi de todo ruim para o tricolor. Ao contrário do que aconteceu no Mineirão no sábado, dessa vez o time sentiu bastante a ausência de Luan. No primeiro tempo o Grêmio teve dificuldade em manter  a posse de bola e articular jogadas, e via o Cerro sempre rodando a sua área e tentando arremates de média e longa distância. Em um dos raros ataques gremistas, o árbitro deixou de marcar um pênalti em Everton.

No segundo tempo o ritmo dos mandantes diminuiu um pouco e o Grêmio passou a ter mais possibilidades. Geromel quase abriu o marcador, numa puxeta que caprichosamente parou na trave. Mas mesmo com as alterações feitas por Renato, o time gremista não conseguiu impor seu jogo (como exemplo disso podemos citar o fato do Cerro ter tido um percentual maior de posse de bola) e acabou tendo que se contentar com o 0x0 que lhe permite chegar a liderança do grupo com uma vitória no jogo da volta.

d2Gremio x Cerro Porteno

Não entendi porque o Grêmio não usou sua camisa celeste nova. Também não entendi porque o time usou essa combinação de camisa e calções azuis com a meia branca (fica com cara de Manchester City). Lembro que essa mesma combinação foi usada no jogo contra o Deportes Iquique no Chile no ano passado.

E curiosamente esse jogo contra o Deportes Iquique no Chile também foi apitado pelo argentino Germán Delfino, que também tomou algumas decisões questionáveis contra o Grêmio.

b1Gremio x Cerro PortenoGremio x Cerro Porteno
Fotos: Luis Vera (Getty Images), Beto Azambuja (Globo Esporte) e Lucas Uebel (Grêmio.net)

Cerro Porteño 0x0 Grêmio

CERRO PORTEÑO: Antony Silva; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres, Escobar e Arzamendia; Palau; Jorge Rojas (Valdez, 43’/2ºT), Novick (Irrazábal, 28’/2ºT), Rodrigo Rojas, Candía; Churín
Técnico: Luis Zubeldía

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Madson, Geromel, Kannemann e Cortez; Jailson, Arthur; (Alisson, 31’/2ºT), Ramiro, Cícero (Michel, 23’/2ºT), Everton; Jael (Thonny Anderson, 36’/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

Libertadores 2018 – Grupo 1 – 3ª Rodada
Data: 17/4/2018, terça–feira, 21h30min
Local: Estádio La Nueva Olla, em Assunção, Paraguai.
Público: 40.188 (35.865 pagantes)
Renda: Gs 1.743.218.000
Árbitro: Germán Delfino (ARG)
Auxiliares: Gabriel Chade (ARG) Diego Bonfa (ARG)
Cartões amarelos: Rodrigo Rojas

Libertadores 2018 – Grêmio 4×0 Monagas

April 5, 2018

Gremio x Monagas

O primeiro tempo do Grêmio foi um tanto arrastado. O time passou quase a totalidade dos 45 minutos no campo de ataque, mas não conseguiu criar chances e obter desarmes nas tentativas de saída de bola do Monagas.

Tudo isso mudou aos cinco minutos do segundo tempo, quando Cortez fez boa jogada pela ponta esquerda e cruzou para Jael abrir o marcador. O 1×0 no placar fez com que o jogo do Grêmio voltasse a fluir com naturalidade. Everton fez o segundo, Luan o terceiro e Cícero o quarto.

Gremio x Monagas
29714828_1901080893516897_4678047150095990784_n - Cópia

Foi interessante notar que ontem Maicon jogou mais adiantado do que o Arthur. E Maicon jogou bem. Mas ainda acho que é necessário que o Grêmio enfrente algum adversário que o exija mais na parte defensiva para avaliar a pertinência de usar os dois como únicos volantes do time.

O público de ontem foi o segundo mais baixo do Grêmio em jogos de Libertadores na Arena. 21 mil torcedores presentes por jogo é a média do Grêmio em casa esse ano. Na maioria das vezes os públicos de Libertadores ficam bem acima da média do clube na temporada.

Acho curioso que pelo segundo ano seguido o Grêmio tenha recebido um time venezuelano que atuou com meia preta, calção branco e camisa amarela/verde limão.

Por falar em uniforme, o Grêmio segue usando a meia branca do ano passado e a fonte de 2016 no calção.

Gremio x Monagas
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Superior_Norte (Instagram)

Grêmio 4×0 Monagas

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Léo Moura (Alisson, intervalo), Geromel, Kannemann e Cortez; Arthur e Maicon (Cícero, aos 25/2ºT), Ramiro,Luan e Everton; Jael (Thonny Anderson, aos 32/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

MONAGAS: Baroja; Bracho, Lencinas, Trejo, Óscar González; Palacios; (Christian Flores, 34’/2ºT), Suárez, Agnel Flores (Reyes, 20’/2ºT), García, Luis González; Cádiz (Romero, 34’/2ºT)
Técnico: Jhonny Ferreira

Data: 04/4/2018, quarta–feira, 19h15min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre – RS
Público: 21.250 (19.348 pagantes)
Renda: R$ 612.168,00
Árbitro: Carlos Orbe Ruiz (EQU)
Auxiliares: Luis Vera (EQU) e Edwin Bravo (EQU)
Cartões amarelos: Kanneman, Cádiz
Gols: Jael, aos 5 minutos; Everton, aos 15;  Luan, aos 41; e Cícero aos 44 minutos do segundo tempo.

Libertadores 2018 – Defensor 1×1 Grêmio

February 28, 2018

Gremio x DefensorGremio x Defensor

Foi uma estreia “mais ou menos”, seja pela ótica do resultado, seja pela ótica do desempenho da equipe. O Grêmio mostrou ter mais qualidade, teve mais iniciativa e mais controle do jogo (tendo 70% de posse de bola), mas acabou encontrando dificuldade em transformar esse domínio em situações de gol. Em parte isso se explica pela falta de velocidade do tricolor na hora de trocar passes para virar e abrir o jogo na frente da área adversária.   Mas outra explicação para a falta de verticalidade no jogo do Grêmio pode estar no esquema escolhido. A ideia de usar Cícero com falso-nove (a qual considerava uma boa tentativa) não está tendo evolução, o time não tem um jogador posicionado para segurar a bola na frente e a movimentação de Cícero não está criando espaços para que os demais jogadores de ataque ingressem na área em diagonal. Assim o Grêmio acaba carecendo de maior presença na área. Tanto assim o é que o gol só saiu quando Jael estava em campo, numa bola que Everton e Maicon apareceram na área para concluir e apanhar o rebote, respectivamente.

Uma pena que o Grêmio tenha deixado a vitória escapar num erro elementar de posicionamento em escanteio, no qual toda defesa tricolor correu para fechar o primeiro pau e Gonzalo Maulella ficou livre para cabecear para o gol um pouco depois da marca do pênalti.

defensor dado moura 2defensor dado mouradefensor dado moura 4

Maicon parece estar em melhores condições físicas do que a média dos seus companheiros. Isso deve passar pelo fato dele ter ficado boa parte de 2017 lesionado, enquanto os demais ainda sentem o cansaço da longa temporada passada.

A camisa nova (apesar de alguns detalhes “problemáticos” que comentarei em outro post) ficou bem interessante no campo. É certamente uma evolução em relação a camisa titular do ano passado.

Achei curioso que o time tenha usado a meia reserva do ano passado e a fonte de 2016 nos calções novos. Mais curioso ainda foi ver a camisa do Alisson sem os patrocínios da iPlace.

Eu fiquei positivamente surpreso com o número de gremistas que foram até Abu Dhabi em dezembro. Diante disso, esperava ver mais gente no espaço da torcida adversária no Franzini ontem (cabe aqui um mea culpa por ter ficado em Porto Alegre numa das viagens menos complicadas de se fazer, para um jogo num dos estádios mais simpáticos da América do Sul).

Quem foi ao campo se deparou com um preço revoltante cobrado pelo Defensor nos ingressos para a torcida visitante. Custo a acreditar que a diretoria do Grêmio, após ter confraternizado com a diretoria adversária, não tenha se manifestado sobre o absurdo que é cobrar 100 dólares por entrada. Uma injustiça por dois motivos: 1) por ser um valor fora da realidade para jogo um de fase de grupos de Libertadores, e 2) pela desproporção em relação ao valor cobrado para os torcedores locais.

39814601664_32c1a6dce9_k38715632290_a31359b0a0_k
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Eduardo Moura (Globo Esporte)

Defensor 1×1 Grêmio

DEFENSOR: Guillermo Reyes; Santiago Carrera, Nicolás Correa e Gonzalo Maulella; Ernesto Goñi, Carlos Benavídez (Martín Rabuñal, aos 44’/2°T), Mathias Cardacio, Mathías Suárez, Ayrton Cougo (Juan Boselli, aos 34’/2°T) e Facundo Castro (Cecílio Waterman, aos 29’/2°T); Germán Rivero.
Técnico: Eduardo Acevedo

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Madson (Alisson, aos 16’/2°T), Pedro Geromel, Kannemann e Cortez; Jaílson (Jael, aos 25’/2°T), Maicon e Cícero; Ramiro, Luan e Everton (Maicosuel, aos 43’/2°T)
Técnico: Renato Portaluppi

Libertadores 2018 – Grupo 1 – 1ª Rodada
Data: 27/2/2018, terça–feira, 19h30min
Local: Estádio Luis Franzini, Montevidéu-URU
Árbitro: Fernando Rapallini (Argentina)
Auxiliares: Hernan Maidana e Juan Belatti (ambos da Argentina)
Cartões amarelos: Gonzalo Maulella e Mathías Cardacio (DEF);
Gols: Maicon aos 35 minutos do 2° tempo e Gonzallo Maulella  aos 39 minutos do 2° tempo