Archive for the ‘Universidad Catolica’ Category

Libertadores 2019 – Grêmio 2×0 Universidad Católica

May 10, 2019

superior norte instagram

O Grêmio teve uma atuação segura. Jogou o suficiente para superar a Universidad Católica sem levar maiores sustos (E essa segurança defensiva talvez tenha sido a melhor notícia da noite, tendo em vista os 8 gols sofridos nos últimos 3 jogos). Alisson marcou no primeiro tempo (aproveitando grande lançamento de Michel) e Thaciano ampliou na etapa final (concluindo cruzamento de Leonardo Gomes).

Gremio x Universidad CatolicaGremio x Universidad Catolica

Curiosamente o Grêmio usou meias pretas nos três jogos que fez como mandante nessa fase de grupo. E assim como aconteceu contra o Fluminense, o Grêmio usou o calção com o distintivo colorido, diferente do monocromático usado contra Santos e Figueirense.

– Média de público do Grêmio na Libertadores 2019:
32.745 (30.075 pagantes)

– Média de público do Grêmio na temporada:
23.927 (21.848 pagantes)

Gremio x Universidad CatolicaFotos: Lucas Uebel (Grêmio.net) e Superior Norte (Instagram)

Grêmio 2×0 Universidad Católica

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez (Juninho Capixaba, intervalo); Michel e Maicon (Luan, 33/2ºT); Alisson, Jean Pyerre (Thaciano, 2’/2°T) e Everton; André.
Técnico: Renato Portaluppi

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Dituro; Magnasco (Lobos, 10/2º), Kuscevic, Lanaro e Cornejo; Fuentes (Buonanotte, 37/2ºT), Aued e Pinares; Fuenzalida, Riascos (Sáez, 28’/2º) e Puch.
Técnico: Gustavo Quinteros

Libertadores 2019 – Grupo H – 6ª Rodada
Data: 08 de maio, quarta-feira, 19h15min
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre-RS
Público: 34.187 (31.814 pagantes)
Renda: R$1.478.779,00
Árbitro: Nestor Pitana-ARG
Assistentes: Hernan Maidana-ARG e Juan Belatti-ARG
Cartão amarelo: Kannemann; Cornejo, Fuentes e Lanaro
Gols: Alisson, aos 28 minutos do primeiro tempo e Thaciano, aos 30 minutos do segundo tempo.

Advertisements

Copa Mercosul 1998 – Grêmio 5×1 Universidad Católica

May 8, 2019

Em 1998, o Grêmio recebeu a Universidad Católica pela segunda rodada da Copa Mercosul.

O 5×1 marcou a primeira de Celso Roth comandando o tricolor (ele fora contratado para o lugar de Edinho pouco menos de um mês antes).

1998 gremio universidad catolica scheidt b

Grêmio goleia, faz festa e anuncia atacante uruguaio “El loco” Abreu

O presidente Luís Carlos Silveira Martins confirmou ontem, antes da goleada reabilitadora sobre o Universidad Católica, do Chile, que o Grêmio está contratando o centroavante uruguaio Sebastian Abreu (21 anos, 1,91m), emprestado pelo La Coru”a.

Conhecido por “El Loco” Abreu, o atacante jogou na seleção sub-17 do Uruguai. Destacou-se depois no San Lorenzo, da Argentina. Em 97, saiu por US$ 7 milhões para atuar na Espanha. O jornalista Alvaro Levrero, do El País, disse que o jogador, além de ‘ótimo cabeceador, chuta bem com os dois pés, se movimenta muito e é habilidoso.’

Além da boa notícia do reforço, a torcida lavou a alma com os 5 a 1 sobre os chilenos. Foi a primeira vitória do Grêmio depois de um jejum de 14 jogos. A goleada começou com Itaqui, de cabeça, aos 21min, no cruzamento de Zé Alcino. Aos 26, Zé Alcino ampliou. Scheidt, aos 29, de cabeça, fez 3 a 0. Aos 43, Ronaldinho, cobrando pênalti, marcou. No 2O tempo, Cornejo, aos 18, descontou. Aos 20, Itaqui (destaque ao lado de Zé Afonso e Zé Alcino) fez 5 a 1.” (Correio do Povo, 2 de setembro de 1998)

1998 zh

1998 gremio universidad catolica scheidt valdir friolin zh

Foto: Valdir Friolin (Zero Hora)

ingressos 1998 catolica1998 catolica gaucha

GRÊMIO: Danrlei; Walmir, Rodrigo Costa, Scheidt (Éder) e Roger; Djair, Goiano, Itaqui e Ronaldinho; Zé Alcino (Rodrigo Mendes) e Zé Afonso (Clóvis)
Técnico: Celso Roth

U.CATÓLICA: Tapia; Cornejo, Ramirez, Poli e Garrido; Ormozabal, Parraguez (Pizarro) Mirosevic (Lepe), Edu Manga; Perez e Osorio (Diaz)
Técnico: Fernando Carvallo

Copa Mercosul 1998 – Grupo E – Segunda Rodada
Data: 1º de setembro de 1998, terça-feira, 21h40min
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre-RS
Público: 4.235 (3.223 pagantes)
Renda: R$ 16.058,00
Árbitro: Gustavo Gallesio-URU
Auxiliares: Olivier Vieira e Carlos Lopez
Cartões Amarelos: Djair, Walmi e Ramirez

Libertadores 2019 – U. Católica 1×0 Grêmio

April 5, 2019

Gremio x Universidad Catolica

O Grêmio teve (mais) uma fraca atuação na Libertadores e foi merecidamente derrotado pela Universidad Católica em Santiago.

Pelo desempenho dos atletas em campo a sensação que fica é que o time está sem ritmo, como se estive fazendo seu primeiro jogo no ano. Não é o caso. Essa foi a 17ª partida do tricolor em 2019 (a 3ª pela Libertadores). Na falta de brilho, poderia se esperar um pouco mais de combatividade nessa altura da temporada, mas ontem o Grêmio parecia um time sem reação.

Quem é o centroavante titular do Grêmio? Qual a posição do Montoya? Quem faz a função que Ramiro fez em nas últimas temporadas? Estamos no trimestre do ano e ainda não temos respostas para essas perguntas.

 

Gremio x Universidad Catolica
Fotos: Lucas Uebel (Grêmio.net)

U. Católica 1×0 Grêmio

UNIVERSIDAD CATÓLICA: Dituro; Magnasco, Kusevic, Lanaro e Cornejo; Fuentes, Pinares e Aued; Fuenzalida, Sáez (Riascos, aos 43/2ºT) e Puch (Lobos, aos 29/2ºT)
Técnico: Gustavo Quinteros

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Maicon, Montoya (Alisson, aos 28/2ºT), Luan (André, aos 18/2ºT) e Everton; Diego Tardelli (Jean Pyerre, aoos 18/2ºT)
Técnico: Renato Portaluppi

Libertadores 2019 – Grupo H – 3ª Rodada
Data: 04/04/2019 (Quinta-feira)
Local: Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago (Chile)
Público: 11.600
Árbitro: Wilmar Roldán (Colômbia)
Auxiliares: John León (COL) e Dionísio Ruiz (COL)
Cartões amarelos: Magnasco, Cornejo, Aued; Geromel
Gol: Sáez,  aos 16 minutos do primeiro tempo

Copa Mercosul 1998 – Universidad Catolica 1×1 Grêmio

April 4, 2019

O primeiro confronto entre Universidad Catolica e Grêmio em solo chileno aconteceu na quarta rodada do Grupo E da primeira edição da Copa Mercosul, em 1998.

O empate em 1×1 acabou sendo ruim para o tricolor, que permaneceu fora da zona de classificação para a próxima fase da competição.

Vale lembrar que o jogo teve transmissão ao vivo pelo Sportv e um VT, que se iniciava as 22h35min, no SBT.

UM EMPATE COM PROBLEMAS DE LESÕES
Itaqui e Djair retomam machucados do Chile e são dúvidas para o jogo contra o Sport, domingo, em Recife

A festa dos 95 anos não foi compita. O Grêmio perdeu ontem à noite a chance de assumir a liderança do Grupo E da Copa Mercosul. O empate em 1 a 1 com o time misto do Universidad Católica, em Santiago, reduziu as chances de se classificar para as quartas-de-final do torneio e reforçar o caixa em mais US$ 600 mil. Agora, os gaúchos estão em terceiro no Grupo E, com quatro pontos. Além da fraca atuação, o técnico Celso Roth ganhou dois problemas para enfrentar o Sport, no domingo. Itaqui sofreu urna entorse no tornozelo. Pela sua reação ainda em campo, pedindo substituição imediata, Itaqui preocupa. O volante Djair, que substituiria Goiano no Recife, machucou o joelho, deixou o campo chorando, carregado na maca.

O Grêmio parecia ressentir-se do cansaço da vitória sobre o Santos. Os jogadores erravam jogadas triviais. O resultado era uma equipe estática, apática, quase sonolenta Era o Grêmio de algumas semanas atrás, o que desesperava Roth. As reclamações aumentaram aos 12 minutos. Goiano, afoito, errou em bola ao tentar desarmar Figueroa e cometeu pênalti, convertido por Lépe.

Depois disso, o Universidad contagiou-se com a pasmaceira do Grêmio. O jogo se resumiu a um duelo dos volantes e defensores nas intermediárias. Uma tortura para os pouco mais de 2 mil torcedores que enfrentaram o frio e foram assistir ao jogo. Os lances mais agudos do Grêmio se resumiam a jogadas individuais de Ronaldo. Numa delas, 27 minutos, o meia deixou Itaqui livre para cruzar. Lembrando os tempos de lateral. Itaqui encontrou Goiano livre na área, mas o volante chutou para fora. Apesar da baixa estatura dos zagueiros chilenos, os gaúchos insistiam em carimbar os adversários.

Os gritos de Roth no intervalo despertaram os jogadores. Logo aos oito minutos, Itaqui acertou outro cruzamento — o segundo — e Rodrigo Mendes empatou o jogo. O gol, ao contrário do que se esperava, não estimulou o Universidad a procurar a vitória. Muito menos o Grêmio, que se conformou com a igualdade. Para azar de Celso Roth, as lesões sofridas por Djair e Itaqui aumentam a preocupação na armação do time para domingo, contra o Sport.” (Zero Hora, quarta-feira, 16 de setembro de 1998)

Empate com prejuízo para o Grêmio
Itaqui e Djair saem machucados no 1 a 1 contra o Universidade Católica, pela Mercosul. Time ocupa o 3º lugar do grupo E

O Grêmio não conseguiu comemorar seus 95 anos de fundação com uma vitória. Ficou no empate em 1 a 1 com o Universidad Católica, ontem à noite, no estádio San Carlos, em Santiago. Com isso, o Grêmio fica em 3º lugar no grupo E da Copa Mercosul, com 4 pontos. River Plate e Vasco lideram com 5. O Universidad é o último, com 3 pontos.

Com um toque de bola envolvente no começo do jogo, o time chileno conseguiu controlar o Grêmio. Aos 12 minutos, Goiano entrou mal na jogada e cometeu pênalti. Lepe cobrou com categoria e marcou 1 a 0. Mal posicionado e sem força na frente, o Grêmio foi mal no primeiro tempo. O Universidad, com mais posse de bola, não soube aproveitar o domínio na partida.

No segundo tempo, o treinador Celso Roth deslocou Itaqui para o lado direito. Aos 8min, Itaqui foi ao fundo e cruzou na medida para Rodrigo Mendes, que havia iniciado a jogada. O atacante desviou de cabeça e empatou o jogo. O Grêmio passou a pressionar em busca do segundo gol, mas o Universidad resistiu e, aos poucos, começou a levar perigo. Preocupado, Roth reforçou a marcação com Djair em lugar de Ronaldinho.

Próximo dos 30 minutos, Itaqui, lesionado, pediu para sair. Quase ao mesmo tempo, Djair sofreu uma torção de joelho. Marcelo Müller e Éder entraram, deixando o Grêmio muito descaracterizado. A partir daí, o time gaúcho tratou de resistir, tentando contra-ataques puxados por Rodrigo Mendes.” (Correio do Povo, quarta-feira, 16 de setembro de 1998)

Universidad Catolica 1×1 Grêmio

UNIVERSIDAD CATOLICA: Tapia; Cornejo, Ramirez, Vargas e Pizzarro; Ormazábal, Lépe, Edu Manga (Osorio) e Mirosevic (Goldberg); Moya e Figueroa
Técnico: Fernando Carvallo

GRÊMIO: Danrlei: Walmir, Scheidt, Rodrigo Costa e Roger; Fabinho, Luiz Carlos Goiano, Ronaldinho (Djair, depois Eder) e Itaqui (Marcelo Miller); Clóvis e Rodrigo Mendes.
Técnico: Celso Roth

Copa Mercosul 1998 – Grupo E – Quarta Rodada
Data: 15 de setembro de 1998, terça-feira, 21h40min
Local: Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago do Chile.
Arbitragem: Robert Troxler (PAR)
Auxiliares: Carlos Torres e Luiz Mereles
Cartões Amarelos: Moya, Lépe, Goiano
Cartão vermelho: Moya
Gols: Lépe (de pênalti) aos 12 minutos do primeiro tempo; Rodrigo Mendes aos 8 minutos do segundo tempo