Libertadores 1990

by

1990- Grêmio 2 x 0 Vasco - Libertadores e Supercopa do Brasil valdir friolin

Seguindo com as participações gremistas na libertadores vamos a edição de 1990. O grêmio se classificou para esta edição como campeão da Copa do Brasil de 1989, ficando no grupo 5 juntamente com Vasco, Olimpia e Cerro Porteño. dos 4 clubes 3 classificavam para as oitavas de final. Um dado curioso dessa edição da libertadores era de que os times colombianos não indicaram representantes pois o campeonato colombiano de 1989 foi cancelado. Apenas o Atlético Nacional, campeão da libertadores de 89, participou dessa edição, isso gerou algumas consequências estranhas como o fato de o 1°colocado no grupo do gremio iria direto as quartas de final.

O Grêmio fez sua pior participação na história da libertadores, terminando em 4 no grupo. Até que iniciou bem, surpreendendo o Vasco de Roberto Dinamite e Tita. Na seqüência o tricolor viajou ao paraguai e perdeu para o Olimpia e Cerro. Na volta o técnico Paulo Sérgio Poletto foi demitido, em seu lugar entrou Evaristo de Macedo, Evaristo realizou algumas mudanças no time que não surtiram efeito. Contra o Vasco em são januário com gramado encharcado e empate em 0 x 0 foi comemorado, pois o gremio ainda podia se classifcar em 1°lugar e restavam dois jogos no olímpico. Contudo foi no olímpico que se deu o vexame. 2 x 2 com olimpia e 0 x 0 com o cerro porteño. Vale lembrar que o Olimpia acabou sendo o campeão daquele ano, se é que isso serve de consolo.


sobre aquela libertadores disse o então presidente Paulo Odone:
“Nos fomos para a Libertadores com o Vasco, que era o nosso principal adversário. Dos quatro pontos disputados nós ganhamos três. Os outros dois times eram paraguaios, o Cerro e o Olimpia. O Olimpia não tinha time. E nós conseguimos ficar em quarto. Nós estávamos quase classificados e empatando com o Cerro no Olímpico e, faltando uns dez minutos, um cara deles um bago da bandeirinha que divide o meio campo. O Mazaropi foi correndo, ele estava no bico da área, e a bola caiu atrás dele. Nós estávamos em segundo e ficamos em quarto. Foi um terror aquilo.” (Paulo Odone)

Dois enganos do odone: Mazaropi levou frango no jogo contra o Olimpia e não contra o Cerro, além disso não foi exatamente como ele descreveu, o vídeo postado acima desmente ele. O Olimpia poderia até não ter um timaço, mas foi o campeão daquele ano (veja aqui, leia aqui) e também ganhou a supercopa no segundo semestre.

Abaixo a matéria da Placar sobre a desclassificação do Grêmio.
Time base do Poletto:
Mazarópi; Alfinete, Luís Eduardo, Vílson e Hélcio; Jandir, Cuca e Adílson Heleno (Geverton); Darci, Nílson e Paulo Egídio.

Time base do Evaristo:
Mazarópi; Alfinete, Luís Eduardo, Vílson e Hélcio; João Antônio (Jandir), Lino (Nando) e Cuca; Darci (Almir), Nílson e Paulo Egídio.
14/03/90 – Porto Alegre – Grêmio 2 x 0 Vasco – Gols do Grêmio: Nilson e Darci
27/03/90 – Assunção – Olimpia 1 x 0 Grêmio –
30/03/90 – Assunção – Cerro Porteño 3 x 1 Grêmio – Gol do Grêmio: Cuca
18/04/90 – Rio (São Januário) – Vasco 0 x 0 Grêmio
24/04/90 – Porto Alegre – Grêmio 2 x 2 Olimpia – Gols do Grêmio: João Antônio e Nílson
27/04/90 – Porto Alegre – Grêmio 0 x 0 Cerro Porteño

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.


%d bloggers like this: